Loulé

LOULÉ | Centenas manifestam-se contra encerramento das urgências

O movimento de cidadãos em defesa do Serviço Nacional de Saúde (de Loulé) convocou uma manifestação popular de desagrado contra o encerramento do serviço básico de urgências de Loulé para dia 3 de Agosto de 2012, sexta feira passada, com concentração junto à Câmara Municipal de Loulé às 19 horas e com início da manifestação em direcção ao Centro de Saúde de Loulé às 19h30. À porta da Câmara Municipal de Loulé juntaram-se largas centenas de pessoas que se mostraram indignadas com a possibilidade do encerramento das Urgências de Loulé. No final da manifestação foi lida uma carta de discordância com a desastrosa decisão governamental do encerramento deste serviço fundamental de saúde pública para as populações do Concelho de Loulé e foi colocada uma redoma de flores à porta do Centro de Saúde a simbolizar a destruição do Serviço Nacional de Saúde em Loulé.

A manifestação contou com perto de 1000 manifestantes que gritaram palavras de ordem como: “A dor não tem hora, Passos vai-te embora” ou “As urgências ficam em Loulé, o governo que emigre” entre outras canções que foram entoadas em todo o percurso realizado. A Organização está satisfeita com a aderência que o protesto teve mas ficou apreensiva em relação á falta de órgãos de comunicação social no local.

P’lo Movimento de Cidadãos Em defesa dos Serviços de Saúde de Loulé, Ana Rodrigues Martins; João Martins; Joel Félix

Categories: Loulé

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.