Nacional

CONSULTÓRIO DO CONSUMIDOR / DECO | “Estou a passar por algumas dificuldades e já mal consigo pagar as contas no final do mês. O que posso fazer?”


A DECO INFORMA…

logo_deco

O sobreendividamento é uma situação em que os rendimentos mensais de um agregado familiar são insuficientes para fazer face às suas despesas mensais. As despesas mensais são compostas pelas despesas indispensáveis (alimentação, água, luz, electricidade) e pelas despesas com prestações de crédito.

Existe um elevado nível de endividamento se os rendimentos possibilitam apenas o pagamento das despesas mensais e não permitem qualquer poupança.

Se for confrontado com dificuldades financeiras, o pior que pode fazer é deixar arrastar a situação. Contacte as entidades credoras mesmo que ainda não se encontre em incumprimento, dando a conhecer a situação em que se encontra. Quando existam prestações em atraso é indispensável estabelecer este contacto urgentemente, uma vez que, se não for estabelecido um acordo a dívida tende sempre a aumentar.

Assim, pode começar por utilizar os canais de comunicação que utiliza com mais frequência: dirigindo-se ao balcão da entidade financeira, por telefone ou por correio electrónico.

No caso de ser confrontado com algum obstáculo, poderá enviar uma carta registada com aviso de recepção na qual deverá efectuar uma exposição dos motivos que originaram a presente dificuldade financeira e eventualmente apresentar propostas de renegociação para cada tipo de crédito. Não fique indefinidamente a aguardar uma resposta, insista.

Se não conseguir encontrar uma solução com a entidade credora (banco/sociedade financeira ou outra) poderá solicitar a nossa intervenção contactando o GAS. Qualquer consumidor pode solicitar o nosso apoio, independentemente de ser nosso associado, desde que cumpra os requisitos.

Evite contrair novos créditos para fazer face às dificuldades financeiras, uma vez que, esta acção poderá ser o início de um processo “bola de neve”.

Categories: Nacional, Opinião

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.