Algarve

Turismo do Algarve pede às empresas que permaneçam abertas todo o ano, 13 anos depois de ter sido alertado para essa necessidade

Desidério Silva - Presidente do Turismo do Algarve

Desidério Silva – Presidente do Turismo do Algarve

O Turismo do Algarve pede às empresas turísticas que permaneçam abertas todo o ano. Em comunicado assinado pelo Presidente do Turismo do Algarve, Desidério Silva considera que, “num ano em que o número de turistas e de dormidas tem tido uma performance muito positiva, é importante que o Algarve, enquanto maior destino de férias no País, dê um sinal aos mercados emissores de que está preparado e tem produtos para se afirmar todo o ano e não só no verão”.

Nesse sentido, “é essencial que todos os agentes do setor procurem manter os equipamentos e as infraestruturas ligadas ao Turismo abertas no próximo inverno”, porque “só assim se pode se pode iniciar um processo de inversão no que diz respeito à diminuição da sazonalidade, à redução do desemprego e à melhoria da economia da região”.

“Este é o apelo que faço a todos os intervenientes na área do Turismo, tanto mais que o Turismo do Algarve e o Turismo de Portugal estão já a trabalhar intensamente na campanha de inverno 2013/14 com resultados muito positivos e com cerca de 100 mil dormidas já referenciadas entre novembro e fevereiro, para além das já contratadas”, adianta Desidério Silva, sublinhando que o Algarve “precisa de se afirmar como um destino de férias todo o ano e cada entidade pública e privada tem de ajudar a criar condições e intervir para concretizar esse desígnio”.

Recordamos que no ano 2000, em entrevista a Jorge Matos Dias (PlanetAlgarve), então ao serviço de um jornal regional algarvio, quando questionado sobre a razão do Turismo do Algarve só apoiar os grandes eventos que se realizavam em agosto, quando o Algarve já tem turistas que cheguem, sem necessidade de atrair mais, devendo, isso sim, apoiar eventos na época baixa para atrair turistas nessa altura e, assim, procurar atenuar a sazonalidade, o então presidente do Turismo do Algarve, Paulo Neves, deu esta resposta lapidar: “Quer queiramos, quer não, o Algarve é Sol e Praia”.

Novo presidente, uma mudança na atitude do Turismo do Algarve, muito meritória mas que chega muito atrasada. Já há 13 anos o Turismo do Algarve tinha sido alertado para a necessidade de combater e atenuar a sazonalidade. No entanto, mais vale tarde do que nunca.

Jorge Matos Dias – PlanetAlgarve

Categories: Algarve, Turismo

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.