Castro Marim

Contra o encerramento das extensões de saúde de Azinhal e Odeleite | População idosa manifesta-se junto à ARS Algarve no dia 22 de outubro

Da ameaça passou-se à realidade e desde dia 14 de outubro que as extensões de saúde de Azinhal e Odeleite, no concelho de Castro Marim, fecharam portas às populações, maioritariamente envelhecidas. População e autarcas estão contra e já agendaram uma manifestação e entrega de abaixo-assinado na ARS Algarve.

Extensão de Saúde de Azinhal - Direitos Reservados

Extensão de Saúde de Azinhal – Direitos Reservados

No dia 10 de Outubro a direção do Agrupamento Centros de Saúde (ACES) do Sotavento Algarvio, cujos diretores são o Dr. Manuel Janeiro e Dra. Maria José Salgueiro, comunicou às Juntas de Freguesia de Azinhal e Odeleite o encerramento das extensões de saúde destas localidades a partir de dia 14 de outubro. A medida não é aceite por uma população maioritariamente envelhecida e residente na serra algarvia, que aufere baixas pensões e sem qualquer rede de transportes públicos.

Segundo os Presidentes de Junta de Odeleite e Azinhal, nomeadamente  Valter Matias e  António Baltazar , trata-se de “uma decisão desumana que leva a que esta humilde população, já de si fragilizada pela idade e por uma vida de sacrifício, se manifestem em Faro, no dia 22 de Outubro, 3ª feira, em frente à ARS Algarve”, explicam os autarcas adiantando que será também entregue um abaixo-assinado de toda a população, que manifesta o «repúdio por esta violenta decisão». Advertem ainda que “as poupanças na saúde não podem ser cegas e abandonar por completo as populações já por si frágeis e indefesas”.

A manifestação já tem hora e local marcado, portanto na próxima 3ª feira, dia 22 de outubro, pelas 15h, frente à ARS Algarve em Faro, onde são esperados diversos autocarros repletos de idosos e é lançado o repto a toda a população para se juntar a esta causa.

Categories: Castro Marim, Saúde

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *