Algarve

Investigador algarvio estuda componente para sistema de ar condicionado solar

Um investigador da Universidade do Algarve está a estudar um desumidificador de ar que permite a utilização da energia solar em sistemas de sistemas de ar condicionado.

Celestino Ruivo

Celestino Ruivo

Segundo explicou Celestino Ruivo à agência Lusa, o desumidificador é uma roda higroscópica (ou seja, que absorve a humidade) que funciona como o coração do sistema de tratamento de ar, permitindo arrefecer vários espaços de um edifício.

O sistema permite uma significativa redução dos consumos de energia elétrica, mas o investimento torna-se mais atrativo se for projetado de raiz em conjunção com os sistemas solares de aquecimento de água sanitária e ambiente, sublinhou.

Contudo, para que funcione, é necessário combinar o processo de desumidificação com o processo de arrefecimento evaporativo, acrescentou o investigador, sublinhando que na regeneração da roda pode utilizar-se a energia solar térmica.

De acordo com o professor, que leciona no Instituto Superior de Engenharia da UAlg há 20 anos, estes sistemas são mais adequados aos locais onde os níveis de radiação solar são elevados, no caso da Europa, nos locais mais a sul.

Sublinhando que o consumo de eletricidade dispara durante o verão nas zonas mais quentes, o investigador admitiu que, apesar de já haver sistemas de ar condicionado solar instalados, a tecnologia tem algumas limitações.

Tem de haver sempre uma segunda fonte de energia, seja a eletricidade ou o gás, e o ar condicionado solar nem sempre consegue dar resposta a todas as necessidades do utilizador, explicou.

“No Sul do país é uma aposta mais fiável porque há muitas horas de sol, durante mais dias por ano”, concluiu Celestino Ruivo.

Durante o último verão, o investigador passou dois meses num laboratório da Austrália a estudar uma roda higroscópica composta por sílica gel.

O trabalho foi feito em conjunto com o australiano Mark Goldsworthy, investigador de uma organização ligada à investigação científica e industrial e que em setembro deu uma palestra no Algarve sobre o tema.

Fonte: JN

Categories: Algarve

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *