Silves

Projeto L.E.R. Cãofiante dinamizado no concelho desde janeiro

Numa parceria entre a Câmara Municipal e o Agrupamento de Escolas

Vista de Silves

Vista de Silves

Teve início no passado mês de janeiro, em Silves, o projeto piloto L.E.R. Cãofiante. A iniciativa resulta de uma parceria entre a Câmara Municipal de Silves (através da sua Biblioteca Municipal e sector de Psicologia) e o Agrupamento de Escolas de Silves e pretende ajudar um grupo controlado de alunos de uma turma de 3.º ano da Escola EB n.º 1 de Silves a superar as suas dificuldades ao nível das competências leitoras e da relação entre pares, beneficiando da presença de ouvintes atentos e facilitadores do processo terapêutico: os cães.

Neste processo são utilizados dois cães: o Benny (labrador) e a Pipa (schnauzer) que mensalmente se deslocam ao referido estabelecimento de ensino e que funcionam como um estímulo multissensorial, que fomenta a atenção, a concentração e a cooperação das crianças nas tarefas propostas, contribuindo para elevar a expectativa das crianças relativamente à sua capacidade para superar dificuldades e aumentar a sua autoestima.

O projeto L.E.R. Cãofiante foi inspirado no programa R.E.A.D. que já é dinamizado em inúmeras escolas dos Estados Unidos, Canadá e, também, em alguns países europeus, com algum grau de sucesso.

Relembramos que, ainda neste âmbito, a Biblioteca Municipal de Silves lançou, no final de 2012, uma ação de promoção de leitura denominada “Pipas de Livros”, iniciativa inovadora a nível nacional que tinha como objetivo melhorar a capacidade de leitura das crianças e incentivar o gosto pela leitura através da utilização de um cão ouvinte, técnica que foi, igualmente apresentada como um caso de sucesso pela Biblioteca de Sello aquando da realização do Congresso da IFLA em 2012, na Finlândia, numa apresentação integrada na sessão “Surprising Library” (Biblioteca Surpreendente).

Por: Município de Silves

Categories: Silves

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.