AGENDA

Exposições de Arte nos Espaços Culturais de Albufeira | junho 2014

O Município de Albufeira continua a apostar na Cultura dando espaço a artistas conceituados e privilegiando novos valores que se encontram a começar o seu caminho no mundo das Artes. Em junho são muitas as exposições que pode visitar nos vários espaços culturais da cidade.

O próximo mês de junho começa com uma nova exposição de pintura “Retrospetiva”, de Lino Gonçalves, no edifício dos Paços do Concelho. A mostra tem início a 3 de junho e prolonga-se até 31 de julho.

Lino Gonçalves revela desde cedo apetência para as Artes. Autodidata, explorou áreas como o Desenho, a Pintura, a Escultura, as Artes Gráficas e a Cenografia, no entanto a sua preferência passa pela pintura a óleo, técnica a que se tem dedicado mais atualmente com exposições individuais e coletivas em vários pontos do País.

Alguns dos seus trabalhos integram coleções institucionais e privadas, entre as quais destacamos a Câmara Municipal de Albufeira e a pertencente ao Dr. António Santinho Martins, considerada uma das mais importantes coleções de Arte Erótica da Europa. Do seu curriculum artístico constam vários prémios, entre os mais recentes se encontra uma menção honrosa na exposição/concurso “Cores e Formas dos Nossos Artistas | Albufeira 2011”.

cartaz

Até 1 de junho pode apreciar, no Museu Municipal de Arqueologia, a exposição “Pioneiros do Conhecimento Científico do Algarve”, uma exposição itinerante produzida por dez entidades pertencentes à Rede de Museus do Algarve e, pela primeira vez consagrada a 11 figuras com trabalhos e legados relevantes para o conhecimento histórico e científico da região. O leque de personalidades apresentadas vai de José Sande Vasconcelos a Estácio da Veiga, passando por Santos Rocha, Ataíde Oliveira, José Leite Vasconcelos, José Formosinho, Estanco Louro, padre Semedo de Azevedo e João Grade, uns por serem naturais da região e outros porque se debruçaram sobre as comunidades locais, revelando a forma pioneira como estudaram e registaram a paisagem social, científica e cultural do Algarve.

“Desenhos da Prisão”, de Álvaro Cunhal

“Desenhos da Prisão”, de Álvaro Cunhal

Entretanto, a Exposição “Desenhos da Prisão” continua patente ao público até ao dia 9 de junho, na nova sala de leitura do Arquivo Histórico, na Rua João Bailote. A mostra insere-se no âmbito das comemorações do Centenário do Nascimento de Álvaro Cunhal e exibe a faceta do artista plástico, do grande líder político e pensador português.

Justina Nicolau - Adormecida (UATI)

Justina Nicolau – Adormecida (UATI)

Na Galeria Municipal, junto aos Paços do Concelho, é possível ver, até 28 de junho, a exposição coletiva dos alunos da UATI – Pólo de Albufeira.

Todos os anos, no final de cada ano letivo, os alunos da Universidade do Algarve para a Terceira Idade expõem vários trabalhos realizados nas disciplinas de pintura (tela e seda), artes decorativas e arraiolos.

No centro da cidade, na Galeria de Arte Pintor Samora Barros, até 30 de junho, decorre a Exposição de Pintura de João Mota Gomes.

Natural de Lisboa, o artista mudou-se para Albufeira há cerca de 20 anos. Frequentou, durante algum tempo, um curso de desenho e pintura, no ARCO, em Lisboa. Começou a pintar em 1975, tendo realizado algumas exposições coletivas. Mais tarde passou largos meses na Suíça, onde expôs individualmente, tendo muitos dos seus quadros, desta fase surrealista, ficado por lá. Entretanto começa a trabalhar em acrílico e abordagens mais abstratas. Em 1995 expõe no Centro Cultural de Belém e no ano seguinte passa dois meses em Nova Iorque a visitar museus e galerias e a pintar à noite. Muitos dos seus quadros estão na mão de colecionadores de norte a sul do País, destacando-se a coleção de 60 quadros expostos no Instituto de Implantologia de Lisboa. Nos seus trabalhos predomina a composição livre “O fascínio de fazer, descobrir e contrapor. A mancha, o traço, a cor. O confronto em equilíbrio. Uma ou outra figuração aqui e ali para depois de novo partir para a composição livre”, é assim que o artista define a sua Arte.

Os dias e horários de abertura são diferentes, consoante o espaço. A Galeria de Arte Pintor Samora Barros está aberta de segunda a sábado, das 9h30 às 12h30| 13h30 às 17h30, enquanto a Galeria Municipal abre de segunda a sexta, no mesmo horário. O Museu Municipal de Arqueologia funciona às terças, sábados e domingos das 9h30 às 12h30 |13h30 às 17h30 e às quartas, quintas e sextas, das 9h30 às 17h30. Por sua vez a sala de leitura do Arquivo Histórico pode ser visitada de segunda a sexta das 9h00 às 12h30| 13h30 às 17h00, nos mesmos dias e horários em que estão patentes as exposições no edifício dos Paços do Concelho.

Por: Município de Albufeira

Categories: AGENDA, Albufeira

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.