Castro Marim

Apresentação pública da Unidade Móvel de Saúde de Castro Marim em Odeleite

 “Hoje, 5 de outubro, é um dia histórico para Portugal, mas é também um dia histórico para as freguesias de Odeleite e Azinhal. Recordo-me que, há vinte anos atrás, criei a primeira Unidade Móvel de Saúde do país com enfermeiro, no concelho de Alcoutim. Nessa altura, as câmaras municipais não se preocupavam com as questões da saúde e da ação social, preocupavam-se antes com a eletrificação, com o abastecimento de água ou a recolha do lixo. Eu entendi que não era assim. Hoje, estamos a fazer história aqui em Odeleite ao darmos a conhecer a primeira Unidade Móvel do país permanentemente com médico”.

 

Foi deste modo entusiasmado e determinado que o Presidente da Câmara Municipal de Castro Marim, Francisco Amaral, falou na cerimónia de apresentação pública da Unidade Móvel de Saúde de Castro Marim, no passado dia 5 de outubro, na aldeia de Odeleite. Esta cerimónia contou com as presenças do Presidente da Administração Regional de Saúde do Algarve, João Moura Reis, o Presidente da Junta de Freguesia de Odeleite, Valter Matias e a Presidente da Associação Social da Freguesia de Odeleite, Paula Pinto.

A concluir a sua intervenção, o autarca castromarinense agradeceu a preciosa ajuda da Administração Regional de Saúde do Algarve (ARS), aos presidentes das Juntas de Freguesia de Odeleite e Azinhal, por terem acreditado no projeto, e à Associação Social da Freguesia de Odeleite, enquanto parceira do projeto.

“As pessoas das freguesias de Azinhal e Odeleite e de toda a serra algarvia são pessoas que levaram uma vida de sacrifícios. Portanto, é inteiramente justo que as câmaras municipais e as juntas de freguesia vão ao encontro das suas necessidades mais imediatas. Uma consulta de proximidade em que as pessoas não têm de se deslocar ao Centro de Saúde é um ato de justiça”, assegurou.

Por seu turno, o Presidente da Administração Regional de Saúde do Algarve, João Moura Reis, referindo-se à importância da criação da Unidade Móvel de Castro Marim, afirmou: “As freguesias de Odeleite e Azinhal estão de parabéns. Quero agradecer aos autarcas na pessoa do Dr. Francisco Amaral, a forma prática e eficiente como trataram uma questão de assistência médica. Atendendo ao elevado índice de envelhecimento da população da freguesia de Odeleite, a melhor solução é fazer consultas de proximidade do que ter um posto médico onde as pessoas têm de se deslocar, com todos os problemas inerentes como sejam a falta de transporte e as dificuldades de mobilidade dos próprios doentes”.

Também o Presidente da Junta de Freguesia de Odeleite, Valter Matias, salientou o caráter positivo do projeto, afirmando que esta é uma boa solução na prestação de cuidados de saúde a uma população maioritariamente idosa. “Antes só tínhamos médico duas tardes por semana, agora temos diariamente”, sublinhou. Realçou ainda o esforço desenvolvido pela Câmara Municipal para a criação da Unidade Móvel de Saúde e o apoio inestimável da Associação Social da Freguesia de Odeleite.

A Unidade Móvel de Saúde de Castro Marim vai percorrer as freguesias de Azinhal e Odeleite, de segunda a sexta-feira, para a realização de consultas, com uma equipa constituída pelas médicas Helena Gonçalves, Susana Valsassina e a enfermeira Angelina Rocha.

Por: Município de Castro Marim

Categories: Castro Marim, Saúde

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.