Aljezur

Associação de Municípios – Terras do Infante discorda de ICNF

Na Reunião das Terras do Infante – Associação de Municípios (Aljezur, Lagos e Vila do Bispo), o Conselho Diretivo deliberou, por unanimidade, dar continuidade aos trabalhos desenvolvidos no âmbito da desmatação e silvicultura preventiva na área de cada um dos municípios, sem a orientação direta do ICNF.

terras_do_infante

Na última reunião da Associação de Municípios Terras do Infante (Aljezur, Lagos e Vila do Bispo), da qual Lagos ocupa a Presidência do respetivo Conselho Diretivo, ficou decidido que os trabalhos que têm sido desenvolvidos no âmbito da desmatação e silvicultura preventiva na área de cada um dos municípios irão ter continuidade, ainda que sem a orientação do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF).

No cerne do “desentendimento” entre estas duas entidades está o facto de, após a contratação dos elementos “Sapadores Florestais” por parte da Associação de Municípios, em virtude da impossibilidade da sua continuação a contrato, e da imprescindibilidade do serviço prestado sobre a orientação do SMPC/GTF, o ICNF entender que deixaram de estar reunidas as condições para continuar a prestar a contrapartida financeira pelo “Serviço Público” prestado pelas duas equipas de sapadores florestais da Associação de Municípios (uma adstrita ao Município de Lagos e outra ao Município de Vila do Bispo).

Neste sentido, e tendo suspendido o ICNF essas contrapartidas financeiras, a Associação Terras do Infante não se sente obrigada à realização destes trabalhos sob a supervisão do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas.

No entanto, ficou deliberado que, face às responsabilidades que estão subjacentes à prevenção/preservação do território, nomeadamente quanto ao risco de incêndio, a intervenção não ficará sem acontecer, uma vez que as equipas darão continuidade aos trabalhos desenvolvidos no âmbito da desmatação e silvicultura preventiva na área de cada um dos municípios incluindo nos Perímetros Florestais de Barão de São João e de Vila do Bispo.

Por: Câmara Municipal de Lagos

Categories: Aljezur, Lagos, Vila do Bispo

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.