Loulé

Almancil já tem Marca Comunitária | «Poço d’Almancil»

A Junta de Freguesia de Almancil e a AEA – Associação Empresarial de Almancil apresentaram ontem, 4 de junho, na Junta de Freguesia de Almancil, a marca comunitária «Poço d’Almancil», numa cerimónia que contou com a presença do presidente da Câmara Municipal de Loulé, Vítor Aleixo.

A apresentação da marca foi feita pelo presidente da Junta de Freguesia de Almancil, Joaquim Pinto.

A nova marca tem como objetivo contribuir para a promoção da economia local, estimulando o comércio e os artistas das mais variadas áreas a desenvolverem os seus produtos e serviços, assim como a comunidade e visitantes a adquirir o produto local. Outra preocupação é a promoção dos valores históricos da vila, recordando o poço outrora existente na freguesia, património da memória coletiva dos almancilenses.

O presidente da Câmara Municipal de Loulé, Vítor Aleixo, considerou a marca “uma ideia feliz, bem conseguida”. Para o edil, a marca “sintetiza muitas ideias com uma vertente identitária forte, de forma moderna, contemporânea e, simultaneamente, capaz de mergulhar na identidade profunda desta terra. Acho que é uma imagem apelativa, que cumprirá, certamente, as funções que todas as imagens de marca são chamadas a cumprir”, enaltecendo a importância do apoio da AEA a este projeto.

Vítor Aleixo sugeriu ainda que a marca agora apresentada servisse de ponto de partida para o elemento escultórico para a recém-construída rotunda da Praça Francisco Sá Carneiro (entroncamento da Rua Vale Formoso com a Avenida 5 de Outubro). Pediu ainda “ponderação e serenidade para fazer as coisas bem-feitas. Não deve haver pressa na colocação de algo na rotunda só porque sim”.

Gilberto de Sousa, presidente da AEA, evidenciou a parceria entre a associação e a Junta de Freguesia de Almancil como “um exemplo a seguir. Tenho defendido a existência de parcerias assim como a importância da criação de “sinergias para que a economia se desenvolva de forma sustentável, responsável e constante, que é o mais importante”. Sobre a marca, lembrou que o objetivo é transformá-la numa marca “não só com fins comerciais, mas sim uma marca comunitária, que represente e faça lembrar Almancil. Interessa-nos promover Almancil e é esta a forma de promover Almancil”, concluiu.

Neuza Gavaia, presidente da Assembleia de Freguesia de Almancil, lembrou os valores históricos inerentes à marca “Poço d’Almancil”, permitindo a transmissão da história desta vila à geração mais recente, que não conheceu o poço, tão importante no passado daquela comunidade.

A marca e o seu logótipo foram criados pelo artista plástico almancilense Ricardo Inácio, que agradeceu o convite para a sua criação, dizendo sentir-se muito horando por ter podido participar no projeto.

Adélia Brito, empresária em Almancil e mentora da ideia, agradeceu a disponibilidade dos presidentes da JF Almancil e da AEA para ouvirem as suas ideias, manifestando a sua disponibilidade para continuar a trabalhar a expansão da marca, adiantando que “todo o projeto de marketing e ‘branding’ será desenvolvido pela Universidade do Algarve como um ‘case study’ e de interesse geral”.

Decorreu depois um período de debate, onde Hermes Alberto, presidente da ASCA – Associação Social e Cultural de Almancil e João Martins, vereador da autarquia de Loulé, manifestaram o seu apoio à ideia, apontando, no entanto, discordância em relação a alguns aspetos. Neste período, interveio ainda Pilar Macário.

A marca e o logótipo «Poço d’Almancil» estão registados no INPI desde 27 de março, propriedade da Junta de Freguesia de Almancil.

O lançamento público da marca “Poço d’Almancil” está previsto para 19 de setembro, no âmbito da 1.ª Mostra do Comércio, Serviços & Artes de Almancil, que decorrerá entre as 14 e as 23:45 horas, naquela que se pretende seja uma grande festa para a freguesia com a participação das empresas e dos artistas locais a exporem no centro da vila.

Por: Jorge Matos Dias / PlanetAlgarve

Categories: Loulé

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.