AGENDA

Câmara Municipal promove Sessão Pública e Exposição “Risco Sísmico e de Tsunami” | 4 de setembro

No próximo dia 04 de setembro, a Câmara Municipal de Lagos vai promover uma Sessão Pública e a abertura da Exposição Itinerante “Risco Sísmico e de Tsunami”, no âmbito da participação da autarquia no Projeto INSPIRED. A sessão terá lugar a partir das 17h30, no Auditório dos Paços do Concelho Séc. XXI.

A exposição estará patente na receção da autarquia e a Sessão Pública, de entrada gratuita, contará com a presença da Senhora Presidente da Câmara Municipal, Maria Joaquina Matos, a Presidente do Centro Europeu de Riscos Urbanos de Lisboa, Paula Teves Costa, e do responsável da autarquia na equipa do Projeto, Frederico Mendes Paula, como oradores.
Os objetivos deste projeto visam envolver a população na prevenção do risco, procurando incutir nos habitantes rotinas em termos de comportamentos preventivos e preparativos, de saberem viver com a possibilidade de ocorrência de um sismo e de como reagir durante a sua ocorrência e período imediato, procedimentos fundamentais para minimizar danos e salvar vidas. No âmbito do Projeto, foi já lançado um folheto informativo em português e inglês, que a Proteção Civil de Lagos está a utilizar nas suas ações de sensibilização, encontra-se em fase de conclusão a elaboração de um Estudo de Vulnerabilidade Social no Perímetro Urbano da Cidade de Lagos (da responsabilidade do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra), e será iniciado, até ao final do ano, a realização de um inquérito às unidades hoteleiras com vista ao seu envolvimento nesta temática.

O Projeto INSPIRED, (abreviatura de Involving People in Risk Reduction / “Informer et Impliquer la Population dans la Prévention des Risques Sismique et de Tsunami”), resulta de uma parceria entre o Centro Europeu de Riscos Urbanos de Lisboa, o Centre Euro-Méditerranéen pour l’Évaluation et la Prévention du Risque Sismique de Rabat e o Centro Universitario Europeo per i Beni Culturali de Ravello, desenvolvida no âmbito do Acordo EUR-OPA, European and Mediterranean Major Hazards Agreement, envolvendo também as autoridades locais das cidades de Cascais e Lagos, em Portugal, Tânger e M’Dieq, em Marrocos. O Projeto, a vigorar durante o biénio 2014-2015, dá continuidade ao Projeto VULRESADA (abreviatura de Vulnerabilidade, Resiliência e Adaptação) “Gestion des Zones Côtières Face aux Risques Sismique et de Tsunami: Impact Socio-économique”, desenvolvido nos anos de 2012 e 2013.

Por: Município de Lagos

cartaz

Categories: AGENDA, Lagos

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.