Consumidor

“Tenho dúvidas na escolha do pescado. Inclusive, já reparei numas etiquetas junto ao peixe. Será que podem dar-me umas dicas?”

Delegação Regional do Algarve

CONSULTÓRIO DO CONSUMIDOR / DECO

logo_deco

A DECO INFORMA…

As novas regras de rotulagem introduzidas pela política comum das pescas da União Europeia, a 1 de Janeiro de 2014, ajudam os consumidores a saber exactamente de onde provém o peixe que estão a comprar e se este foi pescado de forma responsável.

Há informações de carácter obrigatório e facultativo e são vários os produtos abrangidos desde peixes vivos, frescos ou congelados, moluscos com ou sem concha a algas.

É fundamental compreender e interpretar os dados disponíveis.

Todos os produtos da pesca, inclusive os provenientes da aquicultura e os mariscos, devem indicar obrigatoriamente:

– Denominação comercial da espécie: indica a espécie mediante uma designação comumente utilizada e autorizada na Lista das Denominações Comerciais de Espécies admitidas em Portugal.

– Método de Produção: Identifica a forma de obtenção da espécie: pesca extrativa; capturado em água doce; criado em aquicultura;

– Zonas de captura: Indica a zona da procedência dos produtos da pesca, em função das grandes zonas geográficas em que os oceanos foram divididos.

Por outro lado, enquanto alimento fresco, o pescado altera-se rapidamente, por isso é essencial o consumidor saber escolher o peixe que compra, pelo que aqui deixamos alguns conselhos:

– Compre de manhã! É nesta altura que os produtos estão mais frescos.

– Durante a exposição dos produtos da pesca frescos, estes deverão estar acondicionados em gelo, distribuído por todo o pescado.

– Seja exigente e observe o seu aspeto, odor e as condições em que estão acondicionados. Os filetes de peixe devem ter carne firme e brilhante, sem extremidades escuras ou secas.

– Compre o pescado quando tiver terminado as restantes compras. Não se esqueça que são produtos perecíveis!

Para mais informação, visite os sites: http://www.deco.proteste.pt/alimentacao, www.oceanos.cienciaviva.pt  e www.eeagrants.org.

Categorias:Consumidor