Empresas

4 PME inovadoras portuguesas ganham financiamento no âmbito da Fase 1 do Instrumento a favor das PME

4 pequenas e médias empresas (PME) de Portugal, foram selecionadas para financiamento no âmbito da Fase 1 da mais recente ronda do Instrumento a favor das PME, no quadro do Programa Horizonte 2020.

horizonte_2020

Para cada projeto, os participantes receberão 50 000 euros para financiar estudos de viabilidade para novos produtos que possam vir a ser disruptivos do mercado. Podem igualmente solicitar até três dias gratuitos de orientação empresarial (coaching).

O «Instrumento a favor das PME» é financiado pelo Programa Horizonte 2020 da responsabilidade do Comissário Carlos Moedas, que gere na Comissão Europeia a pasta da Investigação, Ciência e Inovação.

Portugal está representado com 4 PME inovadoras nos seguintes domínios:

  • Produção e transformação de Alimentos eco-inovadora e eficiente em termos de recursos (2 projetos: COCOAPRO – Propagação in vitro do cacau; e PUREJUICE – Reforço a nível industrial da tecnologia de campos elétricos pulsados para a transformação de sumos de fruta naturais)
  • Investigação e desenvolvimento espacial (DAA – Desenvolvimento de instrumentos de medição in situ da mesosfera)
  • Investigação para a Inovação nas Pequenas Empresas para o transporte (JAM – Melhorar a eficiência do combustível e reduzir os custos da manutenção e da paragem com recurso a dados em tempo real de sensores dos veículos e a um algoritmo de aprendizagem para a análise de grandes quantidades de dados).

Os resultados para a Fase 2 do Instrumento a favor das PME, em que as empresas obtêm financiamento até a um valor máximo de 2,5 milhões de euros para adaptar os seus produtos ao mercado, serão anunciados em meados de fevereiro de 2016.

A próxima data-limite para a Fase 1 é 24 de fevereiro de 2016.

Mais informações:

Pode consultar mais informações sobre o Instrumento a favor das PME

Categories: Empresas, Europa