Quarteira

António Ruaz, novo artesão de peças com rolhas de cortiça em Quarteira

A cidade de Quarteira tem mais um artista do qual se orgulhar. Chama-se António Ruaz, reformado, e dedica-se à construção de peças feitas com rolhas de cortiça.

António Ruaz foi barman desde 1963, tendo desenvolvido a sua profissão na Quinta do Lago, Vale do Lobo, Vilamoura e Aldeia das Açoteias, entre outros locais.

Agora, já aposentado, decidiu há cerca de 6 meses, dedicar-se à construção de monumentos em cortiça, destacando-se o Farol da Ilha de Faro, outro farol, um Monte Alentejano, a Igreja de S. Teotónio (Odemira), um Moinho, uma base para tachos e panelas e, finalmente, uma reprodução do Forte Novo, monumento militar existente no pinhal do Forte Novo até há poucas décadas, quando a erosão da falésia provocou o seu desmoronamento, avistando-se ainda hoje, durante a maré baixa, algumas pedras deste antigo monumento.

Uma vez que a Freguesia de Quarteira assinala este ano de 2016 o seu Centenário, é intenção de António Ruaz doar à Junta de Freguesia, em data a anunciar, precisamente esta última peça, a reprodução do Forte Novo.

Para todo este trabalho, o artesão António Ruaz tem já diversos restaurantes da cidade que lhe fornecem as rolhas.

De referir ainda que António Ruaz faz também peças por encomenda, podendo ser contactado através da sua página no Facebook, António Ruaz – Artesanato.

Por: Jorge Matos Dias / PlanetAlgarve

Categories: Quarteira