Loulé

Ex-presidente da Autarquia de Loulé | Executivo da Câmara Municipal de Loulé lamenta desaparecimento de António Lopes Serra

A Câmara Municipal de Loulé apresenta publicamente o seu pesar pelo desaparecimento do antigo presidente desta Autarquia, António Lopes Serra.

António Américo Lopes Serra nasceu em Lourenço Marques, Moçambique, em 21 de julho de 1934. Licenciou-se em Engenharia, especialidade de minas, pelo Instituto Superior Técnico de Lisboa, em 1961.

Foi Governador Civil do Distrito de Faro, primeiro como interino e depois como efetivo, tendo tomado posse a 22 de fevereiro de 1973.

Na área da Administração Pública, além de Governador Civil do Distrito de Faro, Lopes Serra foi presidente da Câmara Municipal de Loulé, no período compreendido entre 1969 e 1972.

Nos primeiros anos do seu mandato aprovaram-se as reparações no edifício dos Paços do Concelho, alargou-se a rede de energia elétrica em Vilamoura e remodelou-se a da zona norte da Vila de Loulé.  De salientar também a entrada em funcionamento dos sistemas telefónicos de Alte e Salir, a reparação e construção de ruas e arruamentos em Loulé e Quarteira e o surgimento de vários projetos particulares, como o Porto de Recreio e o Casino provisório em Vilamoura e a construção de uma fábrica de cimento em Loulé, localizada no Cerro da Cabeça Alta, freguesia de S. Sebastião.

Em 1972, após deixar a Presidência da Câmara, Lopes Serra foi nomeado Governador Civil substituto de Manuel Sanches Inglês Esquível e, em fevereiro de 1973, foi nomeado Governador Civil.

Mais tarde seria ainda vereador da Câmara Municipal de Loulé, sob a presidência de Joaquim Vairinhos.
Dedicou-se depois à atividade comercial e turística.

Faleceu esta quarta-feira. A Autarquia de Loulé apresenta as suas condolências à família enlutada.

António Lopes Serra

António Lopes Serra

Categories: Loulé