Ocorrências

Menor desaparecida em risco eminente de vida (com transplante hepático)

A 29 de junho de 2016 desapareceu da instituição onde se encontrava institucionalizada, em Ermesinde, Valongo, a menor ANA RAQUEL DA SILVA FERREIRA, nascida a 26-06-2000 (1,58 m, 54 Kg, cabelo castanho comprido e olhos castanhos).

Até à presente data e não obstante as diligências efetuadas permanece por localizar. Não tem qualquer identificação pessoal consigo.

Esta menor padece de graves problemas de saúde devido a dois transplantes hepáticos que obrigam a uma medicação muito específica e diária, só existente em três hospitais do país, medicação essa que na altura da fuga não levou com ela, correndo já sérios riscos de rejeição do fígado transplantado.

Atendendo à mais que provável degradação do seu estado de saúde e à possibilidade de vir a recorrer a um serviço hospitalar ou unidade de saúde escamoteando a sua patologiavimos solicitar os bons ofícios de Vossas Excelências, no sentido de difundir este alerta por todos os hospitais e unidades de saúde sob a vossa alçada, no sentido de que se for sinalizado o seu aparecimento num desses serviços, sejam de imediato avisadas as seguintes entidades:

– CENTRO DE TRANSPLANTES DE COIMBRA

– Dr.ª ERMELINDA (912 528 030)

– DEPARTAMENTO DA POLÍCIA JUDICIÁRIA MAIS PRÓXIMO

– DIRETORIA DO NORTE DA POLÍCIA JUDICIÁRIA (SECÇÃO: SIICPC – BRIGADA: BPC) através do telefone 22558200, do fax 225023642 ou correio eletrónico directoria.porto@pj.pt ou ainda Rui Abreu / Mário Coimbra, Inspetores, através dos telemóveis 967250734 ou 966914149.

Categories: Ocorrências