Consumidor

“Em que consiste o novo projecto da DECO Sénior + Activo?”

Delegação Regional do Algarve

CONSULTÓRIO DO CONSUMIDOR / DECO

logo_deco

A DECO INFORMA…

A DECO, com o apoio do Fundo para a Promoção dos Direitos dos Consumidores, está a promover a Campanha Informativa Sénior + Activo: Consumidor informado / Consumidor protegido que tem como objectivo reforçar a informação e a formação dos consumidores seniores possibilitando-lhes o acesso a produtos e serviços em condições de equidade com a restante população.

Com esta campanha, serão realizados vários workshops a nível nacional dirigidos ao consumidor sénior, com informação prática e clara que permita um maior garante da protecção e interesses dos seus direitos enquanto consumidores. Este projecto estará em vigor durante o mês de Outubro e Novembro.

Para a realização dos workshops foram desenvolvidos conteúdos para 7 módulos que abordam diferentes temáticas de interesse para o consumidor sénior: Saber comprar – Critérios para escolhas acertadas; Alerta – Práticas enganosas e agressivas; Serviços Essenciais – Os seus direitos enquanto sénior; Lar doce Lar – Os seus direitos enquanto sénior; Lazer e Turismo – Viajar com direitos; Saúde e Bem-Estar para um envelhecimento activo; Serviços Financeiros – Cuidados e benefícios para seniores.

Saber comprar, o primeiro tema da lista de workshops deste projecto, assume-se como um tema de especial interesse pelo actual mercado. Todos os dias surgem novos produtos nos mercados pelo que ser capaz de saber escolher, é uma condição essencial para evitar custos desnecessários. Estas escolhas vão desde as coisas mais simples, como as compras de supermercado, até àquelas que exigem a assinatura de um contrato de compra e venda.

Este tipo de contrato está habitualmente associado a compras de elevado valor económico, como a compra de colchões, purificadores de água ou ar, entre outros produtos. Muitas vezes estes produtos estão relacionados com vendas agressivas ou enganosas onde o consumidor, através de técnicas de venda específicas, acaba por ser manipulado para a assinatura de um contrato que não leu devidamente. Este tipo de contrato, que em muitos casos leva também à celebração de um contrato de crédito, tem um peso muito negativo no orçamento mensal dos consumidores, pelo que é crucial agir com ponderação, nunca assinando documentos sem conhecer o seu teor.

Em caso de dúvida não assine e peça ajuda ou aconselhamento junto de entidades competentes.

Categories: Consumidor