Loulé

“CLIMAAT 100” – Peça de teatro leva alunos de Loulé numa viagem no tempo sobre alterações climáticas

Uma viagem no tempo foi o mote da peça de teatro “CLIMAAT 100”, produzida e levada à cena no passado dia 10 de maio, no Cine-Treatro Louletano, pela Associação ArQuente, numa iniciativa promovida pela Câmara Municipal de Loulé, através da qual se pretendeu alertar e informar, de uma forma cómica e leve, os alunos do 1.º Ciclo das escolas da cidade de Loulé, sobre um assunto tão sério como é o das Alterações Climáticas.

Loulé, ano 2100. Diogo é um menino que adora as estórias que a sua mãe, a Dra. Pardal, cientista do laboratório Loulé Adapta, lhe conta sobre Loulé de antigamente: de quando havia quatro estações do ano, de quando se podia ir à praia durante o dia e até andar de bicicleta no verão. Coisas que ele, infelizmente, não consegue fazer no seu presente como consequência das alterações climáticas. Certa noite, ele e o seu gato Carapau tropeçam numa invenção secreta da sua mãe, uma máquina do tempo e atabalhoadamente viajam até ao passado, ao ano 2017. Aí, começam as peripécias que os levam a descobrir que as ações de cada um de nós no presente influenciam a realidade no futuro e que só depende de cada um para ajudar na mudança”.

Apresentada em duas sessões, cerca de 475 alunos dos 3.º e 4.º anos de escolaridade e 10 utentes da Associação UNIR assistiram à peça de teatro “CLIMAAT 100”. Esta é mais uma das iniciativas Loulé Adapta, decorrentes da Estratégia Municipal de Adaptação às Alterações Climáticas de Loulé, através da qual o Município pretende promover, em todo o território municipal, uma resposta coerente às múltiplas problemáticas relacionadas com as alterações climáticas.

Categorias:Loulé