Lagos

Hospital São Gonçalo de Lagos distinguido com certificação europeia “Legionella Safe Building”

O Hospital São Gonçalo de Lagos é a primeira Instituição de Saúde em Portugal a receber a certificação europeia “Legionella Safe Building”, depois de uma rigorosa avaliação que o classifica como um edifício com baixo risco de legionelose e o considera uma “instalação segura”.

Esta atribuição foi conduzida pela Arteste, após uma avaliação de risco aos sistemas de água, desenvolvida no âmbito do quadro científico existente, nomeadamente pela norma BSR/ASHRAE Standard 188P e BS 8580:2010. Além disso, foram feitas análises para a pesquisa de legionella em pontos considerados críticos e representativos da instalação.

Por fim, a atribuição deste certificado garante que todos os utentes usufruem de instalações seguras com a implementação das melhores práticas e metodologias regulamentares existentes na área de Manutenção de Instalações Técnicas.

Existem cerca de 50 espécies de legionella, sendo a legionella pneumophila a mais patogénica e a responsável pela maioria dos casos clínicos diagnosticados. Com este certificado o Hospital São Gonçalo de Lagos comprova a qualidade dos seus serviços, e a preocupação com o bem-estar dos seus utentes.

O Hospital S. Gonçalo de Lagos, que pertence ao grupo de saúde português 4H, presta serviços clínicos na área médica e cirúrgica, em internamento e ambulatório, disponibilizando também serviço de atendimento permanente 24 horas, consultas externas e meios complementares de diagnóstico e tratamento. Atualmente, oferece 30 especialidades médicas e valências e 26 camas para internamento. Destina-se a toda a população, está acreditado pela Joint Comission International (JCI) e tem convenções com a maioria das seguradoras e subsistemas de saúde incluindo o SIGIC. Dadas as características turísticas da região, e o perfil dos utentes que recorrem ao Hospital S. Gonçalo de Lagos, os médicos e enfermeiros são fluentes em idiomas estrangeiros.

Categorias:Lagos, Saúde