S. Brás de Alportel

São Brás de Alportel celebrou 103 anos de história com homenagem ao passado e obras de futuro

As Cerimónias de Inauguração da Obra de Requalificação do Largo de São Sebastião e do Parque da Vila – 2.ª fase, e a assinatura do Protocolo de Geminação com o município francês de Roche la Moliére, presididas pela Sr.ª Secretária de Estado do Ordenamento do Território e Conservação da Natureza, Dr.ª Célia Ramos e pelo Presidente da Câmara Municipal de São Brás de Alportel, Dr. Vítor Guerreiro marcaram a Sessão Solene Comemorativo do 103.º aniversário do Município de São Brás de Alportel que teve lugar ontem, dia 1 de Junho.

A Cerimónia Protocolar de Hastear da Bandeira teve lugar em pleno renovado Largo de São Sebastião, com a participação do Agrupamento de Escuteiros e do Corpo de Bombeiros Voluntários de São Brás de Alportel 1330, com acompanhamento musical pela Banda Filarmónica de São Brás de Alportel. Seguiu-se o descerramento da placa de inauguração deste renovado espaço que tem como figura central o ilustre poeta são-brasense Bernardo de Passos.

Uma intervenção que privilegiou o uso dos recursos do território, utilizando as pedras extraídas no concelho – calcário e brecha do barrocal e xisto da Serra; trazendo a natureza ao centro urbano, não esquecendo a cortiça, nobre matéria prima, que ganhou relevo no local; bem como as espécies autóctones como o sobreiro, numa alusão à centralidade de São Brás de Alportel, ponto de encontro entre a Estrada Nacional 2 e a Estrada Regional 270, cruzamento que marcou a História de São Brás de Alportel desde a sua origem mais remota, lembrando outras eras em que os almocreves por ali passavam nos alvores da indústria corticeira, indissociável da história da elevação de São Brás de Alportel a concelho, há 102 anos atrás.

Onde outrora existia apenas um espaço de confluência de tráfego, existe agora um espaço de vivência, onde a natureza tem lugar, onde residentes e turistas podem desfrutar do cantar das águas, da poesia de Bernardo de Passos e dos aromas do barrocal e da Serra que passaram a perfumar a paisagem.

Numa estratégia bem definida, após a construção do anel de circulares em torno do centro urbano, da reabilitação de todas as entradas na vila e da rede de passeios acessível, foi chegado o momento de chegar ao coração da vila e dar-lhe vida nova, numa obra de futuro, crucial para a atratividade e notoriedade de São Brás de Alportel que terá um importante contributo no desenvolvimento económico e na dinamização turística do concelho.

A Requalificação do Largo de São Sebastião é a primeira obra concluída no Algarve no âmbito do Plano de Ação e Regeneração Urbana (PARU), um investimento no valor de 315.450,94€ financiado a 65% pelo Programa Operacional Regional CRESC Algarve. O projeto, de autoria da Arquiteta Paisagista Amélia Santos foi realizado pela empresa são-brasense TrunfOriginal Lda.

Vitor Guerreiro, Presidente da Câmara Municipal referiu este momento como “uma vitória de todos os são-brasenses, um espaço que dignifica a nossa história, o nosso passado comum, com a atitude do presente! A de trabalhar todos os dias com planeamento, com objetivos definidos, com ambição e estratégia! A capacidade de captação de fundos comunitários e a execução, mantendo ao mesmo tempo o equilíbrio orçamental assente numa gestão rigorosa e exigente é isso que distingue São Brás de Alportel dos outros municípios. E é por isso que nos devemos orgulhar de ser um exemplo a nível nacional! Por fazermos todos os dias mais e melhor pela nossa comunidade e por dar continuidade a este meritório trabalho, a este legado… iniciado em 1914.”

A sessão solene comemorativa contou também com a Cerimónia de Assinatura do Protocolo de Geminação entre o Município de São Brás de Alportel e o município francês de Roche La Moliére, uma ponte de cooperação, união e partilha, nas mais diversas áreas, entre povos irmãos, que visa o enriquecimento das comunidades envolvidas.

A inauguração do Parque da Vila 2ª Fase, a poente do Largo de São Sebastião encerrou a manhã, uma obra que dá continuidade a esta estratégia de renovação urbana e qualidade de vida, um espaço acessível a pessoas de mobilidade reduzida, que oferece mais 25 lugares de estacionamento de apoio ao núcleo urbano são-brasense.

Durante a tarde, ocorreu a habitual homenagem ao fundador do Concelho, João Rosa Beatriz, numa Romagem ao Mausoléu no Cemitério Municipal onde houve ocasião para prestar merecido tributo à Família Passos, cujo contributo é incontornável na história do concelho.

Neste dia 1 de junho, data em que se assinala também o Dia Mundial da Criança, o Jardim Carrera Viegas acolheu mais uma edição da Festa da Criança com inúmeras atividades e momentos de animação, que contou com a participação dos grupos “Panda e os carolas” e “Tic-Tac”.

À noite, a magia deste 103º aniversário do Município São Brás de Alportel foi partilhada por muitos milhares de pessoas na Praça da República, ao som da conceituada e tão premiada banda portuguesa “The Gift”, num concerto memorável. Após esta “prenda” aos são-brasenses seguiu-se o cantar de parabéns ao município e o corte do bolo do aniversário, elaborado pelas doceiras são-brasenses: A Ti Marquinhas, Dorfir, Mónica Guerra e Casa Reis.

A noite encerrou com um fantástico espetáculo de pirotecnia, produzido uma vez mais pela empresa são-brasense Algarve Pirotecnia que encerrou de forma intensa e emocionante as Comemorações do 103.º aniversário do município de São Brás de Alportel.

Largo S. Sebastião – Nota Histórica