Lagos

Lagos hasteou Bandeiras Azuis a meia haste em solidariedade pela tragédia nacional de Pedrógão Grande

O Município de Lagos hasteou as Bandeiras Azuis em todas as suas zonas balneares e a Bandeira Praia Acessível em quatro delas. A cerimónia decorreu no dia 20 de junho e, em solidariedade à tragédia que se vive no país com os incêndios de Pedrogão Grande e municípios limítrofes, e as populações vítimas deste enorme flagelo, as bandeiras foram hasteadas a meia haste.

Este ano o Programa Bandeira Azul lança um novo desafio – para cuidar do Planeta devemos começar por cuidar da nossa terra. É tempo de agir. Começar a cuidar do mundo a partir do nosso quintal é o passo natural depois de termos aprendido a cuidar da casa.

Em Lagos, os resultados da filosofia da Bandeira Azul ao longo dos anos são bem visíveis. Este ano queremos fazer ainda mais. Envolver a comunidade para “cuidar” da sua terra.

Numa cerimónia que decorreu no dia 20 de junho, e que contou com a presença do executivo municipal, técnicos da autarquia e vários convidados, foram hasteadas as Bandeiras Azuis na Praia da Luz, Porto de Mós, Praia da Batata, Meia Praia, Camilo e D. Ana, sendo que nas primeiras quatro, o município também ostenta a Bandeira Praia Acessível – Praia para Todos, que garante um acesso mais facilitado a cidadãos com mobilidade condicionada, designadamente através de estacionamento reservado junto ao areal e rampas apropriadas para cadeiras de rodas.

Neste dia a Presidente da Câmara Municipal de Lagos, Maria Joaquina Matos, deixou algumas palavras aos convidados começando por dizer que “embora existam iniciativas que temos mesmo de levar avante”, referindo-se à data prevista para o hastear das bandeiras, “hoje fazemo-lo num contexto muito especial, considerando toda a tragédia que se abateu nos municípios do nosso país que continuam a ser fustigados pelos incêndios que lavram desde sábado. É em respeito a essa situação que hoje hasteamos todas as nossas bandeiras a meia haste”. Recordando que a iniciativa da Bandeira Azul já decorre em Lagos desde 2007, a autarca aproveitou para agradecer todo o apoio aos patrocinadores da campanha deste ano, nomeadamente à Unilever, Ecoambiente, Intermarché e Hotel Tivoli Lagos, bem como a todas as entidades e instituições que se têm associado a este grande projeto ao longo dos anos.

A terminar, Maria Joaquina Matos lembrou que “os projetos só alcançam bons resultados quando todos contribuímos para o mesmo”, deixando a certeza que “a autarquia tudo fará para que este verão seja um sucesso, e que se afirme e reafirme Lagos como um destino turístico de excelência”.

Recorde-se que a Bandeira Azul representa a garantia da qualidade das águas balneares, das infraestruturas de apoio das praias, bem como do interesse das ações de informação e sensibilização ambiental levadas a cabo pela autarquia. A este propósito será de realçar o facto do projeto do Município “Campanha Bandeira Azul – Lagos na Onda do Verão”, ter sido recentemente distinguido com uma Menção Honrosa pelo Instituto de Tecnologia Comportamental (INTEC), no âmbito do concurso M2V – Melhores Municípios para Viver, na categoria de valorização ambiental, reconhecendo desta forma a qualidade do trabalho que tem vindo a ser desenvolvido pela autarquia na área da sensibilização e educação ambiental e de valorização deste importante património.

Categorias:Lagos, Turismo