Ocorrências

AVISO À POPULAÇÂO | Declaração da Situação de Calamidade – Medidas Preventivas

  1. SITUAÇÃO METEOROLÓGICA:

De acordo com a informação disponibilizada pelo IPMA para as próximas 72 horas, salienta-se o seguinte:

– Hoje, rotação do vento para Nordeste nas terras altas do Norte e Centro, com velocidade até 35 km/h, e intensificação no domingo para forte (até 45 km/h) por vezes com rajadas até 60 km/h na madrugada e no fim do dia;

– Temperatura máxima aumenta a partir de hoje, em especial no litoral Norte e Centro, com valores no domingo entre 33 e 40 °C na generalidade do território, exceto no Algarve e costa Vicentina, podendo atingir 40 a 44 °C na zona do vale do Tejo, na parte interior da região Centro e interior do Alentejo;

– Temperatura mínima aumenta, sobretudo na madrugada de domingo, com valores próximos de 20 °C na noite de sábado para domingo e de domingo para 2.ª feira (em particular nas terras altas dos distritos de Castelo Branco e Portalegre com valores entre 20 °C e 25°C);

– Humidade relativa do ar diminui hoje e no domingo para valores entre 10 a 30% na generalidade do território, exceto no Algarve e na costa Vicentina, mantendo valores baixos durante a noite (entre 30% e 65%), em especial nas madrugadas de domingo e segunda-feira que no interior Norte e Centro não sobe acima de 35%;

– Índices de risco de incêndio no nível muito elevado e máximo em vários municípios e em geral em nível elevado nos restantes municípios, nas regiões do Algarve, Baixo Alentejo, Alto Alentejo e interior centro e norte. Salienta-se ainda o agravamento no domingo para níveis nível muito elevado e máximo de vários municípios do Minho e Douro-litoral e do interior dos distritos do litoral norte e centro.

  1. EFEITOS EXPECTÁVEIS

Em função da previsão da evolução das condições meteorológicas é expectável: Tempo quente e seco e vento moderado com permanência de condições favoráveis à eventual ocorrência e propagação de incêndios florestais.

  1. MEDIDAS PREVENTIVAS

A ANPC recorda que, de acordo com as disposições legais em vigor, não é permitido (a):

– Realização de queimadas, de fogueiras para recreio ou lazer, ou para confeção de alimentos;

– Utilização de equipamentos de queima e de combustão destinados à iluminação ou à confeção de alimentos;

– Queimar matos cortados e amontoados e qualquer tipo de sobrantes de exploração;

– O lançamento de balões com mecha acesa ou qualquer outro tipo de foguetes;

– Fumar ou fazer lume de qualquer tipo nos espaços florestais e vias que os circundem;

– A fumigação ou desinfestação em apiários com fumigadores que não estejam equipados com dispositivos de retenção de faúlhas.

Acresce referir que, no âmbito do Despacho Conjunto que profere a Declaração de Calamidade, foi determinada a:

– Proibição do acesso, circulação e permanência no interior dos espaços florestais, previamente definidos nos Planos Municipais de Defesa da floresta Contra Incêndios, bem como nos caminhos florestais, caminhos rurais e outras vias que os atravessam;

– Proibição total da utilização de fogo-de-artifício ou outros artefactos pirotécnicos, independentemente da sua forma de combustão;

– Suspensão de todas as autorizações de lançamento de fogos-de-artifício que possam ter sido emitidas, nos referidos concelhos e enquanto vigorar o estado de calamidade;

– Proibição total da utilização em todos os espaços rurais de máquinas de combustão interna ou externa, onde se incluem todo o tipo de tratores e máquinas agrícolas ou florestais, bem como realização de trabalhos nos espaços florestais com recurso a motorroçadoras, corta-matos e destroçadores;

A Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) recomenda ainda a adequação dos comportamentos e atitudes face à situação de perigo de incêndio florestal, nomeadamente com a adoção das necessárias medidas de prevenção e precaução, observando as proibições em vigor e tomando especial atenção à evolução do perigo de incêndio para os próximos dias, disponível junto dos sítios da internet da ANPC e do IPMA, junto dos Gabinetes Técnicos Florestais das Câmaras Municipais e dos Corpos de Bombeiros.

Categorias:Ocorrências