Consumidor

“Utilizo o micro-ondas todos os dias mas fico confuso com todas as coisas que se ouve dizer sobre este equipamento, será o micro-ondas prejudicial à saúde?”

Delegação Regional do Algarve

CONSULTÓRIO DO CONSUMIDOR / DECO

A DECO INFORMA…

Para descongelar, cozinhar, grelhar e aquecer, o micro-ondas impôs-se nas nossas cozinhas. Mas se, por um lado, se reconhece a utilidade deste electrodoméstico, por outro continuam a circular dúvidas sobre a sua segurança. Mitos ou verdades descubra abaixo as perguntas mais frequentes:

As radiações alteram a composição dos alimentos? Falso. Os micro-ondas aquecem ou cozinham os alimentos agitando as moléculas de água presentes na sua constituição. Ao cortar a emissão de ondas, estas desaparecem de imediato sem deixar vestígios.

Posso usar recipientes de plástico? Verdadeiro. Algumas caixas podem deformar-se e libertar substâncias tóxicas para os alimentos. Opte por recipientes de vidro ou, no limite, de plástico próprio para micro-ondas. Evite também recipientes metálicos e o papel de alumínio. O metal reflete a radiação, impedindo que esta aqueça os alimentos. Além disso, existe o risco de o micro-ondas provocar faíscas que danificam o interior do aparelho.

Se tentar cozinhar um ovo inteiro no micro-ondas, ele explode? Verdadeiro. Não coloque o ovo inteiro ou com casca no interior do micro-ondas, pois com o aquecimento explode e espalha-se. O ovo deve ser cozinhado sem casca e com a gema furada. Se já estiver cozido e quiser apenas aquecê-lo, corte em pedaços pequenos, também para não explodir.

Posso colocar o micro-ondas a funcionar se estiver vazio? Falso. Se estiver vazio, as ondas não vão incidir em qualquer alimento, o que pode danificar o equipamento.

Se ferver água no micro-ondas, o líquido pode projectar-se? Verdadeiro. Quando a água é fervida no micro-ondas, podem não se produzir as bolhas típicas que surgem ao ferver. Com a introdução de um objecto, como uma colher, ou ao mover-se o recipiente, as bolhas podem surgir, projectar água quente para fora e causar queimaduras.

Desfeitos os mitos e seguindo as regras de segurança do equipamento, lembre-se de que é possível cozinhar saudável no micro-ondas. Há dois aspectos importantes a ter em conta: o modo de cozinhar e os recipientes utilizados.

Poderá consultar o artigo completo na nossa página em www.deco.proteste.pt.

Categorias:Consumidor