Quarteira

Quarteira no Encontro Internacional dos 15 anos do Banco de Tempo em Portugal

O Banco de Tempo (BdT) comemorou este ano o seu 15.º aniversário. A data foi assinalada com a realização do “Encontro Internacional dos 15 anos do Banco de Tempo em Portugal” que teve lugar na Casa do Alentejo, nesta quinta-feira, dia 30 de novembro, tendo contado com a participação de uma comitiva de 15 elementos do BdT Quarteira que se deslocou com o apoio da Câmara Municipal de Loulé.

O Encontro foi promovido pelo Graal, entidade que coordena a rede nacional do Banco de Tempo, que integra, neste momento, 30 agências, de Norte a Sul do país, incluindo Açores e Madeira.

O programa começou com o 1.º painel “O Banco de Tempo na Europa: Balanço, Sentido e Desafios com pessoas ligadas ao Banco de Tempo em Portugal (Teresa Branco – Coordenadora da Rede Nacional do BdT), Espanha (Rocio Cuevas Jara – Coordenadora da rede de Bancos de Tempo da Associación Salud y Familia de Barcelona), Itália (Grazia Pratella – Presidente da “Associazione Nazionale Banche del Tempo” italiana) e Reino Unido (Sarah Bird – Directora do “Timebanking”).

Seguiu-se o 2.º painel, “O Banco de Tempo na Sociedade Portuguesa”, com Eliana Madeira (Coordenação da Rede Nacional do BdT), Lídia Martins (Conselho Coordenador do Graal) e Teresa Fragoso (Presidente da Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género, , em representação da Secretária de Estado para a Cidadania e Igualdade, Rosa Monteiro, que apoiou a comemoração deste aniversário).

Foi também apresentada a publicação “Banco de Tempo | 15 anos, 15 histórias” que contém 15 retratos e 15 textos que recuperam palavras de membros do Banco de Tempo sobre o significado que tem para si a participação neste sistema de trocas solidárias. A apresentação foi feita por Helena Topa Valentim, da Universidade Nova de Lisboa, a autora das fotografias, Inês D’Orey e Fernando Ilídio Ferreira, da Universidade do Minho.

Alguns dos membros fotografados foram entrevistados pela jornalista Fernanda Freitas, num momento muito apreciado e aplaudido pelos presentes.

As comemorações encerraram no átrio da Casa do Alentejo, onde estava patente a exposição “Banco de Tempo | 15 anos, 15 histórias”, com fotografias por Inês D´Orey, teve lugar o corte do bolo e o tradicional brinde, num momento que contou com a atuação do Grupo Coral e Instrumental Vozes de Canaviais.

Por: Jorge Matos Dias / PlanetAlgarve

Categorias:Quarteira