Albufeira

Migrantes em Albufeira aprendem Língua Portuguesa

Terminou no passado mês de dezembro uma formação em Língua Portuguesa promovida pelo Município de Albufeira através do CLAIM – Centro Local de Apoio à Integração de Migrantes e destinada à população migrante que reside no concelho.

Ao todo, 30 pessoas da Ucrânia, Guiné-Bissau, Bangladesh, Eritreia, Nepal e Índia usufruíram desta aprendizagem mediante aulas ministradas numa sala da Escola Fixa de Trânsito, por uma formadora capacitada para o efeito, desde 30 de outubro e culminando a 5 de dezembro com a entrega de diplomas.

Destes formandos, 17 eram mulheres e 11 possuem formação superior, quatro detêm a formação do ensino secundário, quatro frequentaram o ensino correspondente ao 9º ano e duas, o 1º ciclo. Um dos motivos comuns a estes formandos é a necessidades de fluência escrita e falada em Língua Portuguesa para poderem obter mais e melhor emprego.

Entretanto, Albufeira pretende vir a ministrar mais acções de formação neste âmbito, especialmente na chamada “época baixa”, como modo de integração e apoio a todos aqu4eles que escolheram Albufeira como uma nova oportunidade de vida. Refira-se que a barreira linguística é um dos principais entraves na integração social, pelo que o Município tenta combater esta situação cedendo periodicamente formação a quem necessita de fluência linguística em Português.

O Município de Albufeira para além das formações que tem disponibilizado, ainda oferece, aos migrantes residentes no concelho, os serviços do CLAIM – Centro Local de Apoio à Integração de Migrantes, que presta apoio, em questões relacionadas com a legalização, trabalho, saúde, educação, reagrupamento familiar, nacionalidade e retorno voluntário.

Alunos finalizam Curso de Português

Categories: Albufeira