Albufeira

RPM Competições | Rescaldo da participação no Rali de Loulé 2018

A regressar ao ativo após um hiato de alguns anos, a dupla da RPM Competições, Rogério Martins e Nelson Martins conseguiram trazer o endiabrado C2 R2 até ao final de uma prova duríssima.

O Rali de Loulé 2018, organizado pelo Clube Automóvel do Algarve, será lembrado pelos seus participantes como uma prova duríssima que obrigou a que cerca de metade dos que alinharam à partida não conseguissem chegar ao fim.

Para a RPM Competições os dias que antecederam a prova foram bastante atribulados, com o Peugeot 106 Rallye a não ficar pronto a tempo e a obrigar a uma substituição de montada de última hora por um muito mais competitivo e muitíssimo divertido Citröen C2 R2.

As aventuras continuaram nos reconhecimentos com a dupla a não evitar uma saída de estrada que quase os impossibilitava de estar à partida do rali. O piloto descreve o incidente: “Estávamos na 2ª passagem dos reconhecimentos quando, no fim de uma reta com um salto seguido de uma esquerda, percebemos da pior forma que tínhamos uma nota demasiado rápida… Queremos agradecer à organização pela preciosíssima ajuda a tirar o carro da situação em que se encontrava (Hernâni Vairinhos, André Cavaco, Quirina Revés e Nogueira Martins, FORAM INCRÍVEIS! André e Quirina, obrigado pelas bolachas e pela água!) e também por nos permitir fazer as verificações atrasados sem penalizar.”

Quanto à componente competitiva do rali, foi caracterizada, acima de tudo, pela extrema dureza dos pisos. Rogério Martins e Nelson Martins optaram por uma toada mais conservadora que lhes permitisse um andamento vivo mas seguro e que, mais que tudo, defendesse a mecânica das armadilhas, buracos e pedregulhos que tinha que enfrentar.

No final a recompensa veio sob a forma de um 14º lugar na Classificação Geral (que poderia ter sido um 13º, não fosse um arreliadora penalização de 30 segundos no 1º troço cronometrado) e o 2º lugar no Grupo P1.

Uma palavra final de agradecimento para o nosso amigo Jorge Rego por nos ter disponibilizado a sua viatura para correr e ao Ricardo Teodósio por ter sido incansável na busca de uma solução para a substituição da montada. A ambos um ENORME obrigado!

Agora é hora de voltar ao trabalho e tentar finalizar as negociações ainda em curso com patrocinadores para possibilitar a continuidade do projeto, nomeadamente do Rali Vila de Ourique nos dias 28 e 29 de Julho.

A RPM Competições agradece à Kuriakos TV como media partner e também aos seus amigos Diogo Atalaya, Mónica Borges, António Mamede e Teodósio Motorsport, aos patrocinadores Bact3ria, Auto-Doc.pt e Escadas MR e orgulhosamente agradecemos ainda a luz verde do Instituto Ayrton Senna ao avalizar a homenagem ao eterno Ayrton  no nosso carro.

Categories: Albufeira, Desporto