Olhão

João Afonso em Trio com António Pinto e Miguel Fevereiro na República 14, em Olhão

O pátio da Associação Cultural Re-Criativa República 14, em Olhão, acolheu ontem à noite um concerto intimista com João Afonso em Trio com António Pinto e Miguel Fevereiro

Neste concerto em trio, João Afonso foi acompanhado pelas guitarras e pela colaboração vocal de Miguel Fevereiro e António Pinto. Um encontro de músicos que cruzam universos musicais partilhados numa empatia única.

Mais de 20 anos a missangar

João Afonso nasceu em Moçambique, em 1965, onde viveu uma infância cheia de música, cheiros quentes, estrelas brilhantes e muita liberdade. Os dias felizes inspiraram a sua música e os dias menos felizes também.

Filho de uma irmã de Zeca Afonso, viveu em Moçambique até 1978, com os seus pais e irmãos. Estudou Agronomia no Instituto Superior de Agronomia, em Lisboa, onde foi colega de José Eduardo Agualusa.

Cantautor de raiz tradicional portuguesa, distingue-se pelas suas canções com ritmos africanos e múltiplas outras sonoridades.

Colheu influências da música urbana africana e da música popular portuguesa, esta última pela influência de Zeca Afonso. A sua colaboração em Maio Maduro Maio (1994), em parceria com José Mário Branco e Amélia Muge, valeu-lhe a atribuição do Prémio José Afonso.

Posteriormente, Missangas (1997), o seu primeiro álbum a solo, fez jus ao título de Melhor Voz Masculina Nacional, distinção do jornal Blitz. Seguiram-se Barco Voador (1999), Zanzibar (2002) e Outra Vida (2006), neste último, já com a direcção musical e arranjos de João Lucas. Com ele ao piano, estruturou Um Redondo Vocábulo (2009), apenas com canções de Zeca Afonso. A sua colaboração estendeu-se ainda a álbuns de Júlio Pereira, Luís Pastor, Uxía, Filipa Pais e a bandas como o Grupo Mestisay e Quinta do Bill. Em 2014, edita “Sangue Bom”, com poemas de Mia Couto e de José Eduardo Agualusa musicados por si.

Com uma voz ímpar na música da lusofonia, João Afonso possui um estilo distintivo, marcado pela inovação e pela riqueza das suas composições.

Nas suas propostas integram-se concertos mais intimistas e cheios de cumplicidades e espetáculos mais festivos, com histórias musicais de múltiplas sonoridades com canções que leva para palco sempre na companhia de excelentes músicos.

Veja também o VÍDEO 1; VÍDEO 2; VÍDEO 3; VÍDEO 4; VÍDEO 5

Categories: Olhão