AGENDA

Edição 2018 do Festival de Órgão do Algarve | 2 a 30 de novembro

O concerto de arranque do Festival tem lugar este ano na Igreja do Carmo, dia 2 de novembro, onde a organista Margarida Oliveira e o tenor Bruno Nogueira propõem um programa que percorre obras dos séculos XVIII e XIX.

No concerto de abertura do Festival de Órgão do Algarve, destacamos ainda Frei José Marques e Silva (1782-1837), organista português e compositor de música sacra, designadamente missas, matinas, motetes, sonatas, marchas, valsas, prelúdios e uma sinfonia. Compôs também para os seis órgãos do Convento de Mafra.Dia 10 de novembro é apresentado novo concerto na Igreja do Carmo, também de música de câmara, numa combinação peculiar de órgão e trompa, respetivamente com Daniel Nunes e Edgar Enoque Barbosa.

Os eventos na Sé de Faro iniciam-se a 15 de novembro, com um concerto pedagógico às 10h dirigido a crianças em idade escolar. A Dona Chica, o Barnabé, o Sr. João e muitos outros surgem na narração da história “A Aldeia de Dó Mi Sol”, nas imagens e nas improvisações de Inês Machado ao órgão.

A 17 de novembro, Sérgio Silva e o Ensemble Vocal Introitus (oito vozes masculinas) apresentam-nos um programa de invocação Mariana, tal como a Sé de Faro, de Santa Maria, partindo do hino vespertino Ave Maris Stella (Salve, Estrela do Mar), pedra angular da devoção medieval a Nossa Senhora.

Passado quase um ano do início da Escola de Órgão da Sé de Faro, terá lugar a 18 de novembro às 16h um concerto protagonizado pelos alunos desta Escola que pretende dar a conhecer o seu trabalho.

A 24 de novembro realiza-se o concerto de encerramento na Sé de Faro, com o organista espanhol Andrés Cea Galán, que selecionou um programa diversificado que percorre as escolas organísticas alemã, holandesa e ibérica.

Para concluir, a 25 de novembro a missa dominical na Sé de Faro às 12h15 será acompanhada ao órgão de tubos, com os alunos da Escola de Órgão da Sé de Faro e o Coro de Câmara Vozart.

Os concertos de 2, 10, 17 e 24 de novembro realizam-se às 21h30. Todos os eventos são de entrada livre.

A 11.ª edição do Festival de Órgão é organizada pela Associação Cultural Música XXI. Conta com os apoios da Direção Regional de Cultura do Algarve e docom o apoio à divulgação da Região de Turismo do Algarve e com os parceiros de comunicação Antena 2, Sul Informação e Rua FM.

FARO – FESTIVAL DE ÓRGÃO DO ALGARVE 2018
2/11 | Igreja do Carmo Faro | 21h30 – Margarida Oliveira e Bruno Nogueira (tenor)

10/11 | Igreja do Carmo Faro | 21h30 – Daniel Nunes e Edgar Barbosa (trompa)
15/11 | Igreja da Sé Faro | 10h00 – Concerto pedagógico para crianças, com a organista Inês Machado
17/11 | Igreja da Sé Faro | 21h30 – Sérgio Silva e Ensemble Vocal Introitus
18/11 | Igreja da Sé Faro | 16h00 – Concerto de alunos da Escola de Órgão da Sé de Faro
24/11 | Igreja da Sé Faro | 21h30 – Andrés Cea Galán
25/11 | Igreja da Sé Faro | 12h15 – Missa acompanhada ao Órgão de Tubos, com Escola de Órgão da Sé de Faro e Coro de Câmara Vozart
Entrada livre

Em Portimão, os concertos têm lugar nos dias 3 e 9 de novembro, na Igreja Matriz.

Em Boliqueime (Loulé), a Igreja Matriz acolhe concertos nos dias 16 e 23 de novembro.

Tavira encerra o Festival de Órgão do Algarve 2018

Em Tavira, o primeiro concerto do Festival tem lugar a 23 de novembro na Igreja de Santiago, com o organista espanhol Andrés Cea Galán, conceituado músico, investigador e professor frequentemente convidado para festivais em toda a Europa, América do Sul, México e Japão. O programa selecionado inclui compositores tão diversificados como Scarlatti, Bach, Lidón e Seixas.

Dia 30 de novembro tem lugar o concerto de encerramento do Festival de Órgão do Algarve, na Igreja da Misericórdia. Paulo Bernardino, organista titular da Sé Catedral de Coimbra, apresentará um programa que percorre os séculos XVI a XX.

Os concertos realizam-se às 21h30 e são de entrada livre.

A 11.ª edição do Festival de Órgão é organizada pela Associação Cultural Música XXI. Conta com os apoios da Direcção Regional de Cultura do Algarve,  Município de Faro, Município de Loulé, Município de Portimão e Município de Tavira, com o apoio à divulgação da Região de Turismo do Algarve e com os parceiros de comunicação Antena 2, Sul Informação e RUA FM – Rádio Universitária do Algarve.

Consulte o programa completo AQUI.