Algarve

Garantia mútua viabilizou investimentos de 700 milhões de euros no Algarve

5 mil empresas recorreram à Lisgarante nos últimos 13 anos

O estado atual do turismo algarvio e as estratégias para continuar a promover o crescimento sustentado do setor na região foram os principais temas em debate no  Fórum «Conversas Mútuas», promovido pela Lisgarante no passado dia 19 de outubro de 2018, em Albufeira.

Sob o mote «Algarve: Turismo, Oportunidades e Desafios» cerca de 2 centenas de participantes, entre empresários, agentes de turismo, entidades públicas e privadas ligadas ao setor debateram também o papel de relevo que a Lisgarante, na qualidade de representante do Sistema Nacional de Garantiu Mútua para a região, tem tido, na última década, no apoio às empresas de atividade turística.

O forte impacto económico e social da Lisgarante no Algarve traduz-se nos números apresentados durante o Fórum: em 13 anos a Lisgarante foi responsável pela emissão de quase 350 milhões em Garantias a cerca de 5 mil empresas, o que permitiu investimentos de quase 700 milhões de euros e possibilitou a criação ou manutenção de mais de 51 mil postos de trabalhos nos distritos de Faro e Beja.

Luís Filipe Costa, Presidente do Conselho de Administração da Lisgarante, afirmou que “a Lisgarante vai continuar a apostar no Turismo e nas empresas do Algarve”, através de prestações de garantias que facilitem a obtenção de financiamento em melhores condições de preço e prazos e de acordo com os ciclos económicos dessas mesmas empresas.

A grande parceira entre o Turismo de Portugal e a Garantia Mútua foi realçada por Carlos Abade, Administrador deste organismo, que revelou o “esforço que tem sido feito em garantir novas linhas de financiamento, mais adequadas às especificidades do setor”.

O evento contou ainda com a presença de Elidérico Viegas, Presidente da AHETA, Marco Neves, da SPGM, João Matos da Silva da Universidade do Algarve, Nuno Cavaco Henriques, Presidente da Comissão Executiva da Lisgarante e Filipa Domingos, Gerente da Agência da Lisgarante no Algarve. Nas sessões de debate participaram ainda administradores das empresas algarvias Gracer, Sonel e Garvetur.

Categories: Algarve, Empresas, Turismo