Quarteira

QUARTEIRA | Idosos vão deixar de ficar isolados em casa

Programa ‘Idoso Isolado’ vai identificar necessidades das pessoas com mais de 65 anos e construir uma rede de voluntariado na cidade.

Passear num jardim ou no calçadão junto à praia, acompanhar numa ida à farmácia ou algo, tão simples mas determinante, como fazer companhia e conversar são alguns dos apoios que a Junta de Freguesia de Quarteira quer prestar à população mais idosa, no âmbito do programa ‘Idoso Isolado’.

Trata-se de um projeto do Gabinete Sociocultural que contará com o contributo da Universidade do Algarve e da Câmara de Loulé, lançado já no início do ano. O objetivo é sinalizar a população de Quarteira com mais de 65 anos e que está isolada socialmente.

O grupo de trabalho vai realizar um inquérito, porta a porta, para conhecer as fragilidades destas pessoas, tendo em vista a melhoria da qualidade de vida.

Uma rede de voluntários vai ser criada para prestar um apoio em diversos contextos, aparentemente simples, mas que são fundamentais para uma população cada vez mais solitária, e em alguns casos sem família.

Telmo Pinto, presidente da Junta de Freguesia de Quarteira, explicou que “é determinante um acompanhamento de proximidade para garantir uma qualidade de vida a estas pessoas que precisam cada vez mais de atenção”.

Nesse sentido, o autarca apela para que a comunidade “se envolva para identificar e informar a junta de freguesia destas situações”. Em 2017, segundo dados do Ministério da Administração Interna, a freguesia de Quarteira tinha 4291 residentes com mais de 65 anos, o que representa 20% da população local, justificando a importância desta intervenção.


Centro Autárquico de Quarteira

Categories: Quarteira