Quarteira

Reabilitar com história, cultura e tradição | ‘Lavadeiras da Fonte Santa’ dão nova vida a rotunda em Quarteira

Junta de Freguesia de Quarteira, em parceria com a Câmara Municipal de Loulé, procederam à requalificação da rotunda da Fonte Santa, com a colocação de duas esculturas que recriam a história e os costumes deste local.

As peças em alumínio fundido e pintadas à mão, são da autoria de Teresa Paulino e representam as mulheres de Quarteira que iam lavar a roupa à Fonte Santa. Vestidas com trajes típicos, retratam tempos em que as águas da famosa nascente eram procuradas para esta rotina, mas também por quem acreditava nos seus efeitos medicinais.

Para Telmo Manuel Machado Pinto, Presidente da JF de Quarteira, “Esta obra representa a importância de reabilitar o espaço público, nunca esquecendo a nossa origem e a importância que este local tem para a história de Quarteira”.

A obra de requalificação da rotunda, faz parte de um conjunto de projetos contemplados no contrato interadministrativo de delegação de competências 2018/2021, da Câmara Municipal de Loulé para a Junta de Freguesia de Quarteira.

Lavadeiras da Fonte Santa

Estas belas figuras que nos surpreendem pela autenticidade dos seus gestos, perpetuam na nossa memória hábitos e costumes de uma época em que as mulheres de Quarteira vinham lavar a roupa à Fonte Santa.

Vestidas com trajes típicos, retratam tempos em que as águas da famosa nascente eram procuradas para esta dura rotina, mas também por quem acreditava nos seus maravilhosos efeitos no alívio de dores e de doenças de pele.

De longe, para tomarem banho na Fonte Santa, vinham gentes de todas as partes do País e do Mundo, atraídas pelas suas águas milagrosas. Junto ao imenso caudal que emergia das areias argilosas, a azáfama dava muitas vezes ao local um ambiente de verdadeiro e colorido arraial.

Para a Fonte Santa chegou a ser planeada a criação de uma estância termal, numa altura em que Quarteira já era uma das praias mais concorridas do Algarve, mas os efeitos curativos que lhe deram fama nunca foram reconhecidos oficialmente. As suas águas continuaram a ser contudo muito valiosas para as lavadeiras que, durante várias décadas, deram uma animação muito especial a esta pequena povoação.

Categories: Quarteira