Consumidor

Uber anuncia plano de segurança para todos os utilizadores da aplicação em Portugal

A Uber reforça o seu compromisso em garantir a segurança de todos os utilizadores e anuncia plano focado em segurança para apoiar motoristas, utilizadores, restaurantes e parceiros de entrega que optam por continuar a utilizar as aplicações Uber e Uber Eats. 

Reforço de segurança nas aplicações Uber e Uber Eats:

  • Até ao momento a Uber distribuiu um total de 16 mil desinfetantes, como gel para as mãos e sprays de superfície, de forma gratuita em todo o país. Os motoristas que recorrem à aplicação da Uber e os parceiros de entrega do Uber Eats receberam 8 mil desinfetantes respetivamente;
  • Adicionalmente, a Uber está a distribuir cerca de 300 mil máscaras de proteção através dos postos de abastecimento Prio e de restaurantes parceiros para motoristas e parceiros de entrega;

Lançamento de nova tecnologia de segurança na aplicação: 

  • Sistema inteligente de verificação facial: Antes de ficarem online, será solicitado aos motoristas e parceiros de entrega que confirmem a utilização de máscara tirando uma selfie com a máscara. 
  • Checklist online para motoristas: Antes de ficarem online e aceitarem viagens, serão convidados a confirmar que tomaram as precauções de segurança adicionais, como assegurar que os passageiros se sentam apenas no banco de trás, higienizar o carro e outras recomendações de higiene. As medidas tomadas pelos motoristas serão comunicadas aos utilizadores através da aplicação, antes de viajarem e estes poderão cancelar a viagem se não se sentirem confortáveis com as medidas tomadas. 
  • Checklist online para parceiros de entrega Uber Eats: Antes de ficarem online, será solicitado aos parceiros de entrega que  confirmem que tomaram certas medidas de segurança, como o uso de uma máscara, a higienização da mochila entrega, o respeito de medidas de distanciamento social e das instruções de entrega sem contato ao entregar um pedido. 
  • Checklist online para utilizadores de viagens Uber: Será solicitado aos utilizadores de viagens Uber que confirmem que tomaram algumas medidas importantes de segurança recomendadas pela Organização Mundial de Saúde ou pela Direção-Geral da Saúde, como usar máscara, sentarem-se apenas no banco de trás, lavar as mãos, e abrir as janelas para ventilação. 
  • Feedback de segurança e higiene: Todos os utilizadores da plataforma  – motoristas, parceiros e utilizadores – vão ter a opção de deixar feedback no final da viagem ou da entrega sobre a experiência de segurança para que haja responsabilização mútua e que todos tenham comportamentos responsáveis ao utilizarem os serviços disponíveis na plataforma. 

Continuamos focados em proteger a saúde e a segurança de todos os envolvidos na comunidade da Uber. Estamos a trabalhar diariamente no sentido de reforçar as práticas de segurança e fornecer gratuitamente materiais sanitários e de proteção aos motoristas e parceiros de entrega que colaboram com a Uber. Teremos também especial atenção ao feedback de utilizadores e atuaremos em tempo útil de modo a garantir a segurança de todos.” refere Manuel Pina, Diretor Geral da Uber em Portugal

A Uber vai continuar com um conjunto de iniciativas que já tinha em vigor para reforçar a segurança dos serviços prestados através das aplicações da Uber e Uber Eats, nomeadamente:

  • Apoio a motoristas em caso de quarentena ou diagnóstico: desde dia 16 de Março que a Uber garante uma compensação financeira equivalente a 14 dias do seu rendimento a motoristas ou parceiros de entrega em quarentena obrigatória ou infectados pelo vírus Covid-19, também para que nenhum deles se sinta obrigado a trabalhar em situação de risco para a comunidade.
  • Restrição de lotação e de acesso ao banco dianteiro: Comunicámos a todos os operadores TVDE as novas restrições em vigor durante o Estado de Emergência, nomeadamente que nenhum utilizador pode ocupar o banco dianteiro junto ao motorista e que deve ser assegurada a renovação do ar interior do veículo e a limpeza das superfícies. Restringimos também a lotação dos veículos TVDE disponíveis na aplicação passando a capacidade máxima dos produtos UberX, UberGreen, UberComfort e UberBlack a ser de 2 utilizadores e do UberXL de 3 a a 4 utilizadores.
  • Comunicação frequente e relevante: Estabelecemos uma comunicação frequente com todos os nossos parceiros – operadores TVDE, restaurantes e parceiros de entrega – para facilitar o fluxo de informações relevantes fornecidas pelo Governo e pela Direção Geral da Saúde e, para que deste modo, que seja mais rápida a implementação das medidas de segurança recomendadas.
  • Apoio à adoção de medidas de higiene e segurança: Partilhámos com todos os parceiros de entrega as boas práticas de prevenção sanitária para a entrega de refeições ao domicílio, de maneira a incentivar que sejam tomadas as devidas acções de higiene e evitado o contacto físico em todos os momentos do processo, seja na recolha do pedido ou na sua entrega. Adicionalmente, para além da atual distribuição produtos de proteção pessoal, garantimos um reembolso de até 25€ a cada parceiro de entrega na compra de todos os produtos sanitários mediante a apresentação de um recibo. 
  • Entregas de refeições sem contacto: Implementação de medidas para permitir a entrega sem contacto entre todas as partes: funcionários do restaurante, parceiros de entrega e utilizadores. Pedimos aos restaurantes para organizar a entrega de pedidos numa área dedicada. Para o utilizador, basta selecionar a opção de entrega “Deixar à Porta” para que o parceiro de entrega receba essa informação.

A Uber introduziu um conjunto de medidas de apoio a motoristas, utilizadores, restaurantes e parceiros de entrega:

  • Durante o Estado de Emergência, o Uber Eats removeu a taxa de entrega em todos os pedidos. 
  • A Uber ofereceu 17.000 viagens Uber, 5.000 refeições no Uber Eats e 5.000 taxas de entrega em pedidos Uber Eats a profissionais do Serviço Nacional de Saúde;
  • Desenvolvimento da solução Uber Drop-Off, que apoia a capacidade logística das empresas com entregas dos motoristas e parceiros da Uber. Este serviço teve início em Portugal e está agora a ser implementado globalmente. A nível nacional, a parceria com os CTT permite a entrega de encomendas em casa dos Portugueses;
  • Os utilizadores podem pedir produtos de conveniência no Uber Eats através de novas parcerias como a Galp e a Well’s, a Central de Cervejas e a Unilever;
  • Disponibilização da opção de transferência diária dos valores faturados através da aplicação, em vez da cadência semanal normal, tanto para restaurantes como para parceiros de entrega, isento de custos adicionais; a eliminação das taxas de ativação para novos restaurantes e a suspensão da cobrança para restaurantes já na plataforma; e a criação de uma equipa dedicada para a rápida integração (48 horas, em média) de novos restaurantes para novas fontes de rendimento com a maior brevidade possível. 

Categories: Consumidor, Empresas, Nacional