Lagos

Lagos em casa com… humor | Concurso de cartoons humorísticos já tem vencedores

No passado mês de Abril, a Câmara Municipal de Lagos, em parceria com o Laboratório de atividades Criativas (LAC), lançou a iniciativa “Lagos em casa com…humor”, como forma de incentivar a criatividade e originalidade dos artistas locais e nacionais. A organização congratula-se com a elevada participação neste concurso, que contou com a participação de artistas de vários locais do país, num total de 45 trabalhos.

Com a situação de pandemia COVID-19 como tema central, os artistas foram desafiados a representar os valores da união, e da capacidade de resiliência e coragem da comunidade lacobrigense.

Após reunião e análise do júri, constituído pela Vereadora da Cultura da Câmara Municipal de Lagos, Jorge Pereira em representação do LAC e Mário Belém como artista convidado, foram distinguidos os três trabalhos que, com criatividade e originalidade, melhor souberam interpretar o tema proposto. Todos os trabalhos que reuniram as condições expressas no regulamento serão agora divulgados no site e nas redes sociais, além do respetivo diploma de participação, a que os participantes na iniciativa terão direito. Os primeiros classificados receberão um prémio monetário (1.º Prémio: 300€; 2.ª Prémio: 200€; 3.ª Prémio: 100€).

Premiados:

1.º Prémio

Sara Cristina Jesus da Glória

Titulo: Confinando (desenho baseado em factos verídicos)

2.º Prémio

Nuno Alexandre Mendonça Abrantes

Titulo: Lagos com Vida

3.º Prémio

Camile Bobeau

Título: Distanciamento Social

Informação Complementar do Júri

Artista Convidado

Mário Belém (1977) trabalhou durante vários anos como ilustrador digital e designer gráfico, mas a vontade de voltar a sujar as mãos com tinta e focar-se no seu trabalho artístico provou ser mais forte. Hoje trabalha com igual mestria tanto os pequenos formatos que desenvolve no atelier como os murais em grande escala que lhe valeram um lugar de destaque na crescente cena da arte urbana portuguesa. Nos últimos anos tem vindo a solidificar uma linguagem marcadamente própria – colorida e espirituosa –, onde justapõe com frequência a imagem e a palavra, compondo narrativas visuais de contornos mágicos que assentam num equilíbrio entre o familiar e o inusitado e que exploram vários temas inerentes à comunicação, à cultura popular e à condição humana presente. Trabalhando principalmente o suporte de pintura sobre madeira em composições de natureza escultural, tem vindo a apresentar a sua obra em exposições individuais e colectivas, além de espaços exteriores, urbanos e naturais, em inúmeros locais onde destacamos o trabalho deixado à cidade de Lagos (viaduto Rua José Afonso) em 2014, no âmbito da IV edição do projeto de arte urbana (@) ARTURb > (https://www.facebook.com/ARTURb.lagos).

Elemento LAC

Jorge Pereira (1974).

Em 1998, conclui o Curso Superior de Escultura na ARCA, em Coimbra. Trabalhou e desenvolveu projetos cénicos para Teatro e Dança, de 2003 a 2007 colaborou com a Amálgama Companhia de Dança, como artista audiovisual e designer gráfico. Ilustrou Malaquias, livro para a infância da autoria de Cristina Taquelim (2007). Participou em diversas exposições individuais e colectivas, a nível nacional e internacional, nas áreas da instalação, pintura, cerâmica e fotografia. Desde 2008 colabora com o LAC como designer gráfico e como co-curador de vários projetos como por ex. ARTURb, ROOTS entre outros.

Categories: Lagos