Consumidor

CTT fazem entregas verdes da Nespresso

Os CTT e a Nespresso reforçaram a sua parceria através da iniciativa “Entregas verdes’, que irá permitir que todos os clientes de todo o concelho de Lisboa recebam as suas encomendas com veículos elétricos CTT, até ao final do mês de julho, contribuindo assim para um futuro mais sustentável para todos.

O compromisso dos CTT com a sustentabilidade é agora reforçado com esta parceria com a Nespresso apostando num projeto piloto de ‘entregas verdes’. Lisboa foi a cidade escolhida para dar arranque às novas entregas sustentáveis, já neste mês de julho, que serão todas feitas por um veículo elétrico dos CTT, com autonomia superior a 150 km.

Do projeto Entregas Verdes para a Nespresso farão parte três veículos Renault Kangoo ZE33 Maxi. A utilização destes veículos irá permitir, face à versão com motorização diesel, uma poupança anual de CO2 de mais de 15 toneladas por ano. Estes veículos elétricos não emitem partículas e NOx durante a sua utilização, e ainda, como os CTT adquiriram 100% da eletricidade de origem renovável, o impacto carbónico das viaturas elétricas é nulo, contribuindo para a melhoria da qualidade do ar na cidade. 

Sendo uma empresa pioneira na incorporação de viaturas elétricas na sua frota automóvel e na inovação permanente dos seus produtos, os CTT estão cada vez mais focados na preservação do ambiente e contam já com a maior frota ecológica do País no setor da logística, com 315 veículos.

Apostada em aumentar a taxa de reciclagem no País, a Nespresso desafia os portugueses a entregar aos estafetas as cápsulas usadas para reciclagem e que depois de recicladas podem ser transformadas em matéria prima e usadas na produção de peças de carros, caixilharia de janelas ou bicicletas. Para o efeito, a Nespresso acaba de substituir o saco de separação de cápsulas por um novo feito de material 70% reciclado.

Os CTT assumem o compromisso de estar cada vez mais envolvidos com a sustentabilidade, pensando no futuro de todos. Esta atitude é posta em prática todos os dias, inovando nos processos, nos produtos, na tecnologia ao serviço da empresa e em diversas iniciativas e apoios que geram valor para a comunidade. Os CTT têm empreendido várias medidas de apoio à biodiversidade e de combate às alterações climáticas, expressas através de um portefólio ecológico ou carbonicamente neutro (Correio Verde, DM Eco e Expresso/Encomendas) e da aposta na eficiência energética e carbónica, que permitiram aos CTT reduzir a sua pegada carbónica em 64% entre 2008 e 2019.

Categories: Consumidor, Empresas, Nacional