Consumidor

Academia Ponto Verde vai colocar as escolas de todo o país a reciclar mais e melhor

Murta é o embaixador para o ano letivo 2020/2021

A Academia Ponto Verde está de volta mesmo a tempo do regresso às aulas. Este ano, o projeto da Sociedade Ponto Verde volta a desafiar as escolas com novas dinâmicas e apresenta o músico Murta como embaixador da iniciativa.

Para o ano letivo 2020/2021, um dos objetivos da Academia Ponto Verde é manter-se atual e aproximar-se da comunidade escolar. É neste sentido que lança um concurso direcionado a escolas do 2º, 3º ciclo, ensino secundário e profissional levando-os a participar mensalmente em passatempos e desafios criativos que lhes garantem prémios, entre eles uma visita do embaixador da Academia. 

Murta é músico e começou por ser conhecido do grande público pela sua participação no programa “The Voice Portugal”. Em 2019, lançou o seu muito bem-sucedido álbum de estreia, “D’Art Vida”, e acaba de lançar o seu novo single “Alguém Que Mude”. Empenhado com as questões ambientais, sustentabilidade e proteção do planeta, o embaixador da Academia não hesitou em assumir a missão de aumentar a reciclagem junto dos mais jovens.  “Devemos olhar para a meta da sustentabilidade do planeta como um conjunto de pequenas ações que todos podemos colocar em prática no dia-a-dia. Plantar uma árvore ou separar e enviar as embalagens para a reciclagem são pequenas coisas que fazem realmente a diferença. Associo-me a este projeto da Academia Ponto Verde porque acredito que desde criança devemos começar a criar estes hábitos sustentáveis e que a escola pode ter esse papel fundamental”, afirma Murta.

Com o objetivo de contribuir para uma maior sensibilização do público escolar e incentivar o aumento de reciclagem nas Escolas, o concurso irá decorrer através do renovado site da Academia Ponto Verde onde serão publicados todos os desafios, porque a reciclagem também pode ser digital.

Para participar, os professores terão de se inscrever através da plataforma de modo a poderem dinamizar as iniciativas junto dos seus alunos. O concurso engloba vários tipos de provas desde passatempos interativos, a desafios que apelam à realização de atividades criativas, à implementação de um plano de ação para promover o aumento de separação de embalagens nas escolas.

“Criamos este concurso para ser um gatilho impulsionador que nos permita chegar ao final do ano letivo e verificar que realmente conseguimos aumentar a participação das escolas na reciclagem. O concurso estende-se a nível nacional para que todas as escolas tenham a possibilidade de participar e de mobilizar os seus alunos para os desafios que mensalmente lhes vão ser colocados. Queremos que no final do dia as crianças e jovens cheguem a casa e possam partilhar com a família os conhecimentos e boas práticas que adquiriram com este concurso”, assinala Ana Isabel Trigo Morais, CEO da Sociedade Ponto Verde.

As escolas, através dos professores, podem inscrever-se e vão somando pontos ao longo do ano letivo – quanto mais participações (mais turmas e alunos) tiverem mais pontos vão somando.

O período de inscrições decorre de 21 de setembro a 31 de dezembro e o regulamento pode ser consultado aqui. Em maio serão determinadas e premiadas as escolas vencedoras a nível nacional e a escola com maior pontuação em cada distrito.Vídeo de Apresentação do Embaixador

Categories: Consumidor, Nacional