Albufeira

Município de Albufeira ofereceu equipamentos ao CHUA

O Município de Albufeira ofereceu 1 ventilador, 1 equipamento de vídeo laringoscópio e 3 ecógrafos para reforçar o Centro Hospitalar Universitário do Algarve através da unidade do Serviço de Urgência Básica de Albufeira (SUB Albufeira) e das viaturas Médicas de Emergência e Reanimação (VMER).

O ventilador que se destina à utilização da UCI do Hospital de Faro é um equipamento de alta tecnologia, essencial na resposta à recuperação dos doentes críticos internados, e que vem juntar-se aos três ventiladores móveis oferecidos anteriormente pelo Município de Albufeira no início da pandemia. Um desses ventiladores encontra-se em serviço no Centro de Saúde de Albufeira, enquanto os restantes estão instalados nas 2 Viaturas Médicas de Emergência e Reanimação (VMER), que atuam na área geográfica entre os concelhos de Faro e Albufeira.

No que respeita ao Videolaringoscópio, trata-se de um equipamento que serve para visualizar e auxiliar na colocação de dispositivos nas vias aéreas, e irá ficar instalado no Serviço de Urgência Básico (SUB) de Albufeira, reforçando o apoio à sua capacidade de intervenção.

Quanto aos 3 Ecógrafos, 1 irá servir o SUB de Albufeira, outro será instalado na VMER de Albufeira e o último será colocado na VMER de Faro, pois são os veículos de intervenção médica, em contexto pré-hospitalar, que atuam e servem o concelho de Albufeira.

Refira-se que os ecógrafos portáteis permitem às equipas médicas, onde quer que estejam, fazer um diagnóstico rápido e enviá-lo remotamente para o serviço de urgência que irá receber o doente. A sua utilização no serviço pré-hospitalar ou numa unidade de saúde evita a deslocação dos doentes infetados para a realização de exames como a TAC, que tem radiação e é mais demorada, evitando o contágio a outros doentes. Os exames são realizados junto ao doente no local onde se encontra, na urgência, num contexto de intervenção pré-hospitalar ou mesmo no domicílio por ser um equipamento portátil. Faz avaliação da função cardíaca dos pacientes infetados, controla o acesso vascular central e a entubação dos doentes. Permite, ainda, realizar a ecografia FAST para identificar eventuais hemorragias nos órgãos vitais.

Refira-se que a grande vantagem destes equipamentos passa pela sua portabilidade: são pequenos, facilmente transportáveis e colocados onde são necessários, nomeadamente numa viatura de emergência médica com mobilidade. O aparelho, que é utilizado para fazer ultrassonografia pulmonar, método rápido de avaliação do diagnóstico de doentes com pneumonia grave COVID-19, permite distinguir precocemente os casos mais graves e letais dos menos graves, possibilitando uma orientação e tratamento mais eficaz.

Estes equipamentos são um fator de inovação a nível nacional pois, relativamente aos ecógrafos, permitem avaliar hemorragias internas e o envio de informação direta partilhada com os serviços de urgências, facilitando a comunicação e reduzindo processos no atendimento.

O presidente da Câmara Municipal de Albufeira, José Carlos Rolo, estava muito satisfeito e orgulhoso com mais esta aquisição, destacando que “num momento em que a pandemia se agravou substancialmente e qualquer um de nós pode ser infetado pelo vírus que provoca a COVID-19, ter um meio de diagnóstico rápido e eficaz pode fazer toda a diferença”.

José Carlos Rolo fez questão de sublinhar que se trata de “um sistema pioneiro”, uma vez que estas duas viaturas VMER irão ser as primeiras a nível nacional a dispor deste tipo de equipamentos.

O diretor Clínico do CHUA, Horácio Guerreiro, expressou o seu agradecimento alertando que as próximas semanas serão duras e que esta ajuda será fundamental.

A entrega decorreu no dia 22 de janeiro, nas instalações do SUB de Albufeira e contou com a presença do presidente do município José Carlos Rolo e Claudia Guedelha, Vereadora da Proteção Civil, com elementos do Conselho de Administração do CHUA, Paulo Neves e Patrícia Rego, vogais executivos.

Estiveram ainda presentes, Dulce Gomes, administradora dos serviços de urgência do CHUA, Bruno Santos, responsável médico da Viatura Médica de Emergência e Reanimação (VMER), bem como Álvaro Gomes, enfermeiro coordenador SUB Albufeira/Loulé e VMER e Carlos Raposo, responsável operacional da Delegação Regional do Sul/Algarve – INEM.

Recorde-se que, no passado mês de maio de 2020, já tinham sido entregues três ventiladores portáteis.

Categories: Albufeira, Algarve, Saúde