AGENDA

Empreendedorismo feminino | Embaixada dos Estados Unidos está a premiar as melhores ideias de negócio portuguesas

  • Pela primeira vez em Portugal, AWE aberto a todas as mulheres empreendedoras residentes em território nacional 
  • Programa inovador vai premiar ideias ou negócios novos até dois anos 
  • 1º, 2º e 3º lugar premiados com 15,000.00 $, 10,000.00 $ e 5,000.00 $, respetivamente

A Academy for Women Entrepreneurs (AWE) chega a Portugal, pela primeira vez, através da Embaixada dos Estados Unidos da América (EUA) em Lisboa, em parceria com o Impact Hub Lisbon. As inscrições estão abertas para este programa de promoção de empreendedorismo feminino até 21 de Fevereiro. 

Este é o primeiro programa em Portugal que apoia ideias de mulheres empreendedoras com 30.000 dólares americanos em prémios. O AWE está direcionado especificamente para empreendedoras que tenham uma ideia forte, estejam a lançar o seu próprio negócio ou que tenham um projeto até dois anos de atividade. 

“Esta iniciativa pretende encorajar mulheres a fazerem parte do mercado de trabalho global aumentando a taxa de empreendedorismo feminino, dando-lhe as ferramentas de que precisam para lançar ou fortalecer os seus projetos”, destaca Kristin M. Kane, Chargé d’Affaires da Embaixada. 

O programa é feito online e está aberto a mulheres de qualquer nacionalidade residentes em qualquer parte de Portugal continental e ilhas. 

O programa online prevê formação em empreendedorismo, sessões de acompanhamento em grupo, talks inspiracionais com líderes femininas e mentoria com especialistas. O programa termina com uma sessão final de apresentação de projeto, com a presença de vários especialistas nacionais do ecossistema de empreendedorismo. 

“Com esta iniciativa queremos continuar o nosso trabalho de fortalecimento do ecossistema de empreendedorismo feminino, porque acreditamos que Portugal, que é agora o sexto país do mundo com melhores oportunidades e condições de apoio a mulheres empreendedoras, possa passar a ser o primeiro”, afirma Francesco Rocca, diretor do Impact Hub Lisbon.

Neste momento de pandemia em que existe um aumento de desemprego e dificuldades em negócios já estabelecidos, é urgente fomentar a retoma e reativação económica. Nesse sentido, a Embaixada dos EUA apoiará as três vencedoras com um prémio para investirem no seu negócio: 15,000.00, 10,000.00 e 5,000.00 dólares americanos para o 1º, 2º e 3º lugar.

Este programa, pela primeira vez em Portugal, possibilita a mulheres de todo o mundo o aprofundamento das suas competências empreendedoras e a construção do seu modelo de negócios. A AWE promove o desenvolvimento do empreendedorismo feminino, criando uma comunidade inclusiva e diversificada de aprendizagem, como também uma rede de apoio a nível nacional para o desenvolvimento pessoal. 

Este programa internacional já está presente em mais de 50 países e só em 2020 capacitou mais de 5.000 mulheres, em países como o Brasil, Quénia, Espanha e Filipinas. 

O programa está alinhado com os objetivos de Women’s Global Development and Prosperity (W-GDP) e este programa está enquadrado no compromisso dos EUA em avançar o empoderamento económico das mulheres e ambiciona alcançar 50 milhões de mulheres mundialmente até 2025.

Entre as talks inspiracionais este programa conta com speakers de Portugal, dos EUA e de outros países, que pretendem partilhar o seu percurso e inspirar estas mulheres na direcção do empreendedorismo.

Para a implementação do projeto, a Embaixada dos E-U-A. Escolheu como parceiro o Impact Hub Lisbon,  a maior rede de empreendedorismo social em Portugal. O Impact Hub colabora com empresas privadas, instituições públicas e a sociedade civil para promover impacto positivo na sociedade e faz parte de uma rede global que conta com mais de 16.000 membros, em 100 cidades no mundo.  Este programa conta com 45 vagas. Candidaturas até 21 fevereiro.

Categories: AGENDA, Empresas, Nacional