Lagoa

LAGOA | Biblioteca Municipal volta a emprestar livros para ler em casa

O empréstimo de livros é reativado na Biblioteca Municipal de Lagoa, mas também pode ser entregue ao domicílio.

Biblioteca Municipal de Lagoa

Atendendo ao facto de o risco de contagio, no concelho de Lagoa, ter baixado para o nível moderado e querendo responder às necessidades dos leitores, respeitando os limites que a pandemia impõe, o município irá reativar o serviço de empréstimo de livros, CDs e DVDs, que volta a funcionar já a partir da próxima segunda feira, 22 de fevereiro 2021.

O acesso a este serviço fica agora disponível em dois formatos: takeaway e entrega ao domicilio, em qualquer dos casos, entre as 10:00h e as 12:30h e as 14h00 e 17:00h.

O pedido de empréstimo deve ser sempre feito través de telefone 282 380 436,

ou por e-mail – biblioteca@cm-lagoa.pt . A regra é válida para quem vai requisitar diretamente à Biblioteca, mas também para quem pede para receber o serviço em casa. Em qualquer das duas modalidades, o leitor deverá ter escolhido previamente a lista dos livros que pretende, indicando os títulos e os respetivos autores. Para isso poderá consultar o Catálogo da Biblioteca disponível em, http://catalogobib.cm-lagoa.pt ou pedir a colaboração e as sugestões do(a) funcionário(a) de serviço via telefone. 

Cada utente deve ainda indicar o número do seu Cartão de Leitor ou nome completo, podendo requisitar, de cada vez, até 5 livros e 3 DVDs.

No atual contexto de cuidados excecionais com a saúde pública torna-se necessário agendar o dia e a hora da entrega dos livros seja no domicílio, seja nas instalações da Biblioteca. Neste caso a porta será aberta pelo funcionário(a) para a recolha da encomenda, evitando-se o contato físico.

Já as devoluções devem ser feitas no local assinalado com a indicação “Devolução de Livros / Book Return,” situado à esquerda da porta principal do edifício da Biblioteca Municipal de Lagoa. 

A Biblioteca Municipal de Lagoa propõe-se, deste modo, continuar a promover a leitura e a facilitar o acesso à cultura, convicta de que «os livros não mudam o mundo. Os livros mudam as pessoas e as pessoas mudam o mundo».

Categories: Lagoa