Ocorrências

Autoridades prosseguem buscas de idosa são-brasense desaparecida a 18 de março

Maria Adelina Viegas

O Município de São Brás de Alportel informa que as autoridades continuam com as ações de busca de Maria Idalina Viegas, de 93 anos, desaparecida na tarde de 18 de março.

Infelizmente, após 4 dias de incansáveis esforços, lamentamos informar que ainda não foi possível encontrar a nossa conterrânea Maria Adelina Viegas, de 93 anos, residente em Cova da Muda, que se encontra desaparecida desde a tarde de quinta-feira, 18 de março.

Mantendo de pé a esperança e a firme vontade de a encontrar, as buscas prosseguem hoje, com novos meios e ações, e toda a ajuda continuará a ser bem-vinda!

Apelamos, uma vez mais, a toda a comunidade, para que toda a informação que possa ser relevante nesta operação de busca possa chegar à GNR, através do Tel. 289 840 800.

Apelamos a quem tiver disponibilidade e condição física, para ajudar nas buscas no terreno, a dirigir-se à Cova da Muda e contactar a GNR, no local ou através do tel. 289 840 800 para obter orientações.

A operação, coordenada pelo Destacamento Territorial de Faro da GNR, contou este domingo, novamente com um vasto contingente de 42 efetivos da GNR, apoiados por 12 viaturas; uma equipa dos Bombeiros Voluntários de São Brás de Alportel e elementos do Serviço Municipal de Proteção Civil e dos Serviços Sociais do Município.

A esta dura missão, juntaram-se mais de meia centena de voluntários da comunidade, numa exemplar mostra de civismo e solidariedade!

Têm estado no terreno diversas equipas especializadas do Comando Territorial de Faro; elementos do GIC – Grupo de Intervenção Cinotécnica da Unidade de Intervenção de Lisboa e elementos da Secção Cinotécnica CINODI do Comando Territorial de Évora; meios aéreos tripulados e não tripulados, nomeadamente com a equipa de operadores de Drones da Unidade de Emergência, Proteção e Socorro.

Em nome da comunidade, o Município de São Brás de Alportel agradece reconhecimento todo o esforço e empenho de todos os militares das diversas equipas da GNR, que estiveram no terreno, ao longo de todos os dias; aos elementos dos Bombeiros Voluntários; aos trabalhadores do município, e a todos os são-brasenses, voluntários, que acederam ao apelo lançado e revelaram o seu altruísmo e solidariedade.

À família da nossa conterrânea, o nosso abraço fraterno, com esperança e solidariedade!

O Município de São Brás de Alportel

Categories: Ocorrências