Loulé

LOULÉ | Três escolas do concelho distinguidas em concurso dedicado à eficiência hídrica

A Escola Secundária de Loulé, a Escola EB 2,3 Padre João Coelho Cabanita (Loulé) e a Escola Profissional Cândido Guerreiro (Alte) foram premiadas na 1ª edição do Concurso “Eficiência Hídrica”, promovido pela Agência Portuguesa do Ambiente, I.P. – Administração da Região Hidrográfica do Algarve (APA – ARH Algarve), após candidaturas realizadas em conjunto com a Autarquia louletana.

Este concurso, lançado em março, teve como principal objetivo sensibilizar e mobilizar as comunidades escolares do Algarve, em parceria com os seus municípios, para a necessidade de monitorizar o consumo da água, promovendo simultaneamente projetos para implementação de melhores práticas para o seu uso eficiente. As candidaturas apresentadas por Loulé foram elaboradas por uma equipa multidisciplinar constituída por técnicos da autarquia, em articulação com professores dos três estabelecimentos de ensino.

Num total de 33 candidaturas realizadas por diferentes escolas de todo o Algarve, Loulé submeteu, no dia 5 de junho – Dia Mundial do Ambiente -, três candidaturas, a duas das três categorias possíveis (Ação, Desempenho e Monitorização).

Assim, na categoria Monitorização, a candidatura do Município/Escola sede do Agrupamento de Escolas Padre João Coelho Cabanita (Loulé) foi distinguida com o 2º lugar (prémio no valor de 10 mil euros). Já a candidatura apresentada pelo Município/Escola Profissional Cândido Guerreiro (Alte) conquistou o 3º lugar (prémio no valor de 5 mil euros).

Na categoria Desempenho, a candidatura submetida pelo Município/Escola Secundária de Loulé venceu o 1º prémio (no valor de 15 mil euros). Para além deste prémio, foi também reconhecida com o Prémio Barómetro ECO.AP 2.0 – Galardão ADENE, que consiste na integração da Escola premiada e respetivo município/entidade gestora no “Barómetro ECO.AP 2.0”.

A cerimónia de entrega dos prémios decorreu no passado dia 19 de julho, durante um webinar onde foram anunciados os resultados desta 1ª edição.

“O Município de Loulé felicita pelo seu empenho todas as escolas envolvidas, quer na região do Algarve, quer no nosso município, e todos os técnicos e professores que trabalham diariamente nesta frente tão importante que resultará, de certo, num trabalho concertado e que contribuirá para a sensibilização dos mais novos, determinantes para um presente e um futuro melhor”, sublinha o presidente da Câmara de Loulé, Vítor Aleixo. 

Em breve, o Município e as escolas iniciarão o  trabalho proposto, considerando, entre as ações a desenvolver, a melhoria de equipamentos/sistemas de monitorização de consumos; definição de equipas de monitorização e de alerta; desenvolvimento de ações de sensibilização; aposta em sistemas de gestão das águas pluviais para a recolha e utilização de água da chuva, otimização da rega dos espaços verdes, definição de outros critérios para controlo de perdas reais e melhoria de práticas atuais de utilização deste recurso importantíssimo e escasso que é a água.

Integrado no Plano Regional de Eficiência Hídrica do Algarve, o Concurso “Eficiência Hídrica” nasceu de uma parceria da APA – ARH com a Comunidade Intermunicipal do Algarve (AMAL) e a empresa Águas do Algarve, contando ainda com o apoio técnico-científico da Universidade do Algarve (UAlg) e da ADENE – Agência para a Energia e com o apoio institucional da Direção-Geral dos Estabelecimentos Escolares – Direção de Serviços da Região do Algarve (DGESTE – DSR Algarve).

Categories: Loulé