Desporto

Entrevista com José Santiago que participa domingo na Maratona de Londres

O aclamado atleta das maratonas José Santiago, atualmente a correr pelos Runners de Loulé, vai representar as cores de Portugal na Maratona de Londres que se realiza este domingo, 3 de outubro.

O PlanetAlgarve foi ao seu encontro para esta entrevista onde nos fala das suas perspetivas para esta corrida.

José Santiago

José Santiago, esta será a sua 24.ª maratona e num palco especial, uma das maiores e mais famosas maratonas do mundo…

Sim, será a minha 24.ª maratona e vai ser num palco que eu não estava à espera porque foi adiada por causa da pandemia. Era para ter sido em 2020. Trata-se do Campeonato do Mundo da ABBOT que vai ser organizado na Maratona de Londres. Com toda esta situação da pandemia, foi adiado para 2021, era para ter sido em abril de 2020, depois passou para outubro de 2020 e agora, finalmente, será a 3 de outubro de 2021, conseguindo-se assim cumprir com o compromisso. Desta vez, não será virtual mas presencial com todas as formalidades exigidas pela organização, que espera cerca de 100 mil participantes. Fiz a minha preparação e, finalmente, chegou o dia.

Como correu a preparação?

A preparação foram 18 semanas. Praticamente apanhei todo o verão, a treinar com o calor, a fazer muitos quilómetros e muita intensidade de treino. Faz parte do plano e quem quer competir um pouco mais à séria, tem que trabalhar para manter os objetivos.

Isso significa que a forma está em pleno?

Sim, a forma e a condição física estão bem. Trabalhei muito para isso, fiz muito trabalho de esforço, muito trabalho muscular, muito volume e acho que as coisas vão correr bem.

José Santiago

Portanto, as perspetivas são boas?

Sim, fiz o trabalho a pensar nisso para poder fazer uma boa corrida. Em todas as maratonas que corro, é habitual fazer esta preparação e trabalho para ter bons resultados. Neste caso, é uma motivação extra, pois trata-se de um campeonato do mundo. Tive de fazer duas maratonas de apuramento. A primeira foi em Toronto, em 2019, por acaso também era num campeonato do mundo com apuramento para este e a segunda foi em Milão, que também me correu bem, onde fiz uma boa marca, tendo ficado nos primeiros 5 do meu escalão, com uma boa pontuação que me garantiu o apuramento para estar presente agora no Campeonato do Mundo em Londres.

Vai mais algum atleta aqui do Algarve?

Não, vou sozinho. Era para ir mais uma atleta, a Marisa Francisco, aqui de Quarteira, mas ela está lesionada num pé. Estava muito motivada para ir mas são coisas que acontecem. No entanto, sei de atletas aqui do Algarve que vão participar na Maratona de Londres Virtual.

Esta presença na Maratona de Londres conta com apoios oficiais?

Isto é um campeonato do mundo e vou correr com as cores nacionais mas, cada vez que me desloco a estas provas, é também para representar o Concelho de Loulé e o clube que represento neste momento, os Runners de Loulé, pelo que tenho o apoio da Câmara Municipal de Loulé e da Junta de Freguesia de S. Sebastião, às quais deixo desde já o meu agradecimento. Sem esses apoios, as despesas seriam incomportáveis. Portanto, tudo farei para fazer uma boa prova para representar bem a Freguesia de S. Clemente, o Concelho de Loulé, o Algarve e Portugal.

José Santiago deixa uma última palavra para “frisar algo que me deixa muito orgulhoso: Tenho estado a receber constantes Emails da ABBOT e recebi um de uma das diretoras da organização, a Laurie Campbel, que me convidou para no dia 1, estar no Park Hotel, às 14:30h, juntamente com mais 4 atletas, fomos 5 atletas selecionados para falarmos à imprensa britânica e norteamericana sobre as nossas experiências e as nossas perspetivas para esta maratona, o que é sempre uma mais valia e uma motivação extra para fazer uma boa corrida”.

Por: Jorge Matos Dias / PlanetAlgarve

Categories: Desporto, Entrevistas, Loulé