Alcoutim

Presidência da CCDR Algarve e da Câmara Municipal de Alcoutim em Huelva para contactos bilaterais sobre a nova ponte internacional

No contexto do INVESTIMENTO RE-C07-i03.02 “Ligações Transfronteiriças – Subinvestimento – Ponte Alcoutim (PT) – Sanlúcar de Guadiana (ES)”, o Presidente e Vice-Presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional (CCDR) da Região do Algarve, José Apolinário e José António Pacheco, e o Presidente da Câmara Municipal de Alcoutim, Osvaldo Gonçalves, têm no próximo dia 6 de outubro (quarta-feira) as seguintes reuniões de trabalho em Huelva:

  • 11h00 (12h00 ES) – Reunião com D.ª Maria Eugenia Limon Bayo, Presidente da Diputación de Huelva
  • 11h30 (12h30 ES) – Reunião com D.ª Bella Verano Domínguez, Delegada da Junta de Andaluzia em Huelva
  • 12h30 (13h30 ES) – Reunião com D.ª Manuela Parrala Marcos, Subdelegada do Governo de Espanha em Huelva
Ponte Internacional do Guadiana – foto CCDR Algarve

Na sequência da assinatura no dia 8 de setembro dos contratos de financiamento entre a Estrutura de Missão Recuperar Portugal, a CCDR do Algarve e o Município de Alcoutim da Ponte Internacional entre Alcoutim e Sanlúcar de Guadiana, estes contactos com as autoridades espanholas são mais um passo para a concretização deste projeto, definindo conjuntamente as bases do caderno de encargos no corredor definido para o mesmo.

Financiado em Portugal pelo Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) com 9 milhões de euros, este investimento público será concretizado pelo Município de Alcoutim, contando com a intermediação e colaboração técnica da CCDR Algarve, na ligação à Estrutura de Missão Recuperar Portugal e com as autoridades espanholas.

A ponte entre Alcoutim e Sanlúcar de Guadiana pretende reforçar a cooperação entre as regiões do Algarve e da Andaluzia e dar um novo impulso ao trabalho desenvolvido no âmbito da Eurorregião Alentejo – Algarve – Andaluzia (EUROAAA), a qual ocupa 21% da superfície da Península Ibérica.

Este projeto vai ajudar a desenvolver este território e a melhorar a qualidade de vida da sua população ao assegurar a ligação entre as redes rodoviárias portuguesa e espanhola e reduzir cerca de 70 km na ligação entre Alcoutim e Sanlúcar de Guadiana, atualmente separadas por uma curta viagem de barco.

O primeiro marco deste projeto prevê a conclusão da primeira avaliação das medidas de natureza ambiental no terceiro trimestre de 2022. No primeiro trimestre de 2022, deverá ser lançado o concurso para o projeto de execução, o qual deve estar concluído até ao quarto trimestre de 2023; a empreitada tem de estar contratada até ao terceiro trimestre de 2024 prevendo-se o início da obra, o mais tardar, até final do primeiro trimestre de 2025.

A concretização deste projeto proporcionará uma melhoria às ligações rodoviárias destes territórios, garantindo maior proximidade no território e nos custos de contexto para as empresas e residentes desta área do interior do Algarve e da Andaluzia.

Ao mesmo tempo, impulsiona a dinâmica socioeconómica na zona de fronteira entre Portugal e Espanha, facilita a partilha de serviços e infraestruturas já existentes, concretizando também a Estratégia Comum de Desenvolvimento Transfronteiriço (ECDT) entre Portugal e Espanha.

Categorias:Alcoutim, Andaluzia