AGENDA

Takeda e associações de doentes assinalam mês de Sensibilização para o Mieloma Múltiplo com novos episódios do podcast “Mieloma em Múltiplas Conversas”

  • Todos os anos são diagnosticados cerca de 800 novos casos de Mieloma Múltiplo em Portugal, sendo o segundo cancro hematológico mais comum;
  • O Mieloma Múltiplo é mais frequente em homens (54%) sobretudo com idade igual ou superior a 70 anos;
  • Podcast disponível em www.mielomanavidareal.pt e nas plataformas Spotify e Google Podcast

A farmacêutica Takeda, em parceria com a Associação de Apoio aos Doentes com Leucemia e Linfoma (ADL), a Associação Portuguesa Contra a Leucemia (APCL) e a Associação Portuguesa de Leucemias e Linfomas (APLL), acabam de lançar sete novos episódios do podcast Mieloma em Múltiplas Conversas, no âmbito do mês de sensibilização para o Mieloma Múltiplo, que se assinala em março.

Este é o primeiro podcast em português que promove o conhecimento acerca do Mieloma Múltiplo, o segundo cancro hematológico mais comum, e que pretende desmistificar a doença e transmitir uma mensagem positiva aos ouvintes, sejam doentes, familiares, cuidadores, profissionais de saúde ou outros que têm um papel fundamental no acompanhamento e tratamento desta doença.

Conduzidos pela jornalista Fernanda Freitas, os sete novos episódios do podcast estão disponíveis no website https://mielomanavidareal.pt e nas plataformas Spotify e Google Podcast. Podem ser também ouvidos através do site e página de Linkedin da Takeda e no site e redes sociais das Associações de Doentes envolvidas.

O podcast Mieloma em Múltiplas Conversas é uma ferramenta que pretende aumentar o conhecimento de quem vive com Mieloma Múltiplo, ou de quem convive de perto com a doença, através da partilha de testemunhos, conversas com especialistas sobre fases importantes do tratamento, dicas de como gerir melhor a doença, informação sobre apoio psicológico e social e ainda conselhos para uma alimentação saudável.

Sobre o Mieloma Múltiplo

O Mieloma Múltiplo é uma doença rara e representa aproximadamente 1% de todos os cancros diagnosticados em todo o mundo.1 Em Portugal, são diagnosticados cerca de 800 novos casos por ano2. A maioria das pessoas diagnosticadas com mieloma múltiplo tem mais de 65 anos, podendo surgir em doentes mais jovens, e a incidência é ligeiramente maior nos homens.3 Os principais sintomas passam por dores nos ossos, anemia, insuficiência renal, fadiga e fraturas. O mieloma múltiplo não tem cura, mas com a terapêutica adequada é possível controlar a doença. A taxa de sobrevivência aos cinco anos para doentes com mieloma múltiplo é de aproximadamente 54%.

Sobre a Takeda:

A Takeda é uma empresa biofarmacêutica líder mundial, sediada no Japão, baseada em valores e orientada para a I&D. A Takeda em Portugal foca os seus esforços em quatro áreas terapêuticas: Oncologia, Gastrenterologia, Hemofilia & Plasma e Doenças Raras Genéticas. Também investimos em I&D direcionada para Neurociências e Vacinas. Estamos focados em desenvolver terapêuticas altamente inovadoras que façam a diferença na vida das pessoas, superando fronteiras com novas opções terapêuticas e impulsionando o nosso forte sistema colaborativo de I&D e competências para criar um pipeline robusto e diversificado. Os nossos colaboradores estão empenhados em melhorar a qualidade de vida dos doentes e em trabalhar com os nossos parceiros nos cuidados de saúde em aproximadamente 80 países e regiões.

Para mais informação, visite www.takeda.pt 

Categorias:AGENDA, Saúde