Consumidor

As melhores marcas para o consumidor em 2022

Na semana dedicada ao Dia Mundial do Consumidor, a Consumers Trust apresenta um relatório onde destaca as melhores marcas de 2021. Baseado nos dados do Portal da Queixa, o relatório analisa a forma como as marcas se relacionam com os consumidores portugueses e aponta aquelas que se distinguem por prestarem um serviço de excelência na proximidade e comunicação mantida com os clientes. Recebem, por isso, o selo de Marcas Recomendada. 

O Portal da Queixa é a plataforma de preferência para a partilha de reclamações em Portugal, e é também um marketplace de reputação, onde os consumidores podem consultar sobre o desempenho das marcas. Com base nesta informação, a Consumers Trust desenvolveu um relatório onde analisa a forma como as marcas se relacionaram com os consumidores portugueses e onde apresenta, no âmbito da semana que celebra o Dia Mundial do Consumidor: “As Melhores Marcas para o Consumidor”. 

Destacaram-se, em 2021, pela performance e atenção dada aos consumidores, pela forma como procuraram resolver – com proximidade e celeridade -, os problemas reportados pelos consumidores no Portal da Queixa. MEO, Continente, Mercadona, EDP Comercial, ActivoBank, Banco Credibom, MB WAY, Worten, Liberty Seguros, Seguro Direto, Repsol, Go Natural, UZO, Mazda, Norauto, Médis, Grupo Optivisão, Remax, Kinda, Joom, Solverde.pt e NACEX são algumas das marcas que figuram no pódio das melhores na sua categoria, numa avaliação que é da inteira responsabilidade dos consumidores. 

A distinção das melhores marcas contribuirá para a atribuição do Selo “Marca Recomendada 2022” pela Consumers Trust – marca global que detém as plataformas Portal da Queixa (Portugal), Libro de Quejas (Espanha), RéclameICI (França) e Complaints Book (África do Sul). 

Só em 2021, o Portal da Queixa registou mais de 170 mil queixas. Mas também destacou as melhores marcas que, ao longo do ano, obtiveram a melhor performance na plataforma. E às melhores marcas a Consumers Trust atribuiu a distinção Marca Recomendada. O sucesso ou insucesso de uma marca muito se deve às relações criadas entre ambos. E este relatório é uma extensa análise a 2021, com base em dados do Portal da Queixa, que reflete a forma como as marcas se relacionaram com os consumidores portugueses. Os hábitos de consumo dos consumidores estão a mudar. E nem sempre a informação acompanha esta transformação. Na Consumers Trust, temos a possibilidade de analisar e antecipar alguns desses comportamentos. Em parceria com as marcas que trabalham connosco, procuramos fortalecer uma relação de maior proximidade e transparência com os consumidores.”, refere Pedro Lourenço, Global CEO & Founder da Consumers Trust.

As melhores recebem o selo MARCA RECOMENDADA

De acordo com Sónia Lage Lourenço, CEO do Portal da Queixa, a plataforma identificou, em 2021, um novo paradigma na relação entre marcas e consumidores, onde se evidenciou o cuidado e vontade das marcas em prestar um bom serviço ao cliente, revelando que, assim nasceu a criação do selo Marca Recomendada, como forma de premiar o bom desempenho das marcas.

No final de 2021, lançámos aquela que se tornaria a grande novidade do ano. Pela primeira vez, a Consumers Trust – na qual está inserido o Portal da Queixa –, distinguiu as marcas que tiveram uma melhor performance e apresentaram os melhores resultados na relação com os consumidores em 2020, segundo a avaliação dos mesmos. Uma distinção que reconheceu o mérito e o trabalho excecional realizado ao longo de 2020, pelas marcas distinguidas.
Foram várias as marcas de todas as categorias do Portal da Queixa que receberam em mãos o troféu. E este ano, será igual. Por isso, para todas as marcas que o conseguiram com mérito, o nosso aplauso e o nosso reconhecimento através da distinção: Marca Recomendada.”

Em 2021, na liderança das principais categorias, figuram as seguintes MELHORES MARCAS PARA O CONSUMIDOR:

CATEGORIAMARCA
Operadoras de TV, Net e TelefoneMEO
Telecomunicações Móveis e FixasUZO
Canais de TelevisãoELEVEN
Eletricidade e/ou Gás – Grande Mercado LivreEDP Comercial
HipermercadosContinente
Supermercados – Grande RetalhoMercadona
BancosActivoBank
Bancos Digitais e APPs FinanceirasMB WAY
Instituições Financeiras de CréditoBanco Credibom
Tecnologia e Eletrónica de Grande ConsumoWorten
Lojas de Informática – Grande RetalhoGlobaldata
Tecnologia e Eletrónica – e-CommerceAquário Electrónica
Restaurantes – Fast FoodGo Natural
Restaurantes – PizzariasTelepizza
Entregas ao domicílioA Marmita
Bebidas – CaféDolce Gusto
Ginásios – Premium Fitness ClubsFitness Hut
Estações de ServiçoRepsol
Automóveis – MarcasMazda
Oficinas de Mecânica e Reparação RápidaNorauto
Companhias de Seguros Auto DiretoSeguro Directo
Concessionários AutomóveisJAPblue
Companhias de SegurosLiberty Seguros
Clínicas DentáriasSmile.Up
Planos de SaúdeFuture Healthcare
Ópticas – Redes de LojasGrupo Optivisão
Seguros de SaúdeMédis
Mediação Imobiliária – RedesRemax
Decoração Casa e JardimVidaXL
ColchõesColchão Emma
Mobiliário e Decoração – Grande RetalhoKinda
Marketplaces InternacionaisJoom
Ração para Animais – Lojas OnlineGoldpet
Casinos e Casas de Apostas Online ReguladosSolverde.pt
Correio Expresso – NacionalNACEX

Consultar o Relatório Anual 2022 da Consumers Trust aqui.

Sobre o Portal da Queixa by Consumers Trust: 

O Portal da Queixa é um projeto inovador e pioneiro na Europa, que nasce da criação da startup tecnológica – a Consumers Trust. Lançado em junho de 2009, cresceu de uma forma sustentada em conjunto com os consumidores e as marcas, que elegeram o Portal da Queixa, como o canal de reclamações por excelência, possibilitando o diálogo, feedback e a partilha de experiências, com vista ao entendimento e à resolução das reclamações. 

O Portal da Queixa assume-se como o maior Marketplace de Reputação digital português, facilitando a comunicação consumidor-marca. Não intervém na relação dos consumidores com as marcas e, por isso, não efetua a mediação entre as partes. É hoje uma referência nacional em matéria de consumo, conta com mais de um milhão de utilizadores registados e mais de dez mil marcas e entidades públicas aderentes à sua plataforma. 

Categorias:Consumidor, Empresas