Loulé

LOULÉ | Sede do PSD encheu para receber Luís Montenegro, candidato à liderança do partido

Regresso da Festa do Pontal e aposta na recuperação eleitoral autárquica do PSD no Algarve foram temas marcantes do encontro de Luis Montenegro com militantes e simpatizantes

Entusiasmo e mobilização marcaram a sessão de Luís Montenegro em Loulé na sua corrida para a liderança do PSD, realizada no passado dia 14 de Maio. Numa sala a transbordar com militantes e simpatizantes como há muito não se via, respirou-se energia, esperança e cerrar de fileiras em torno de Luís Montenegro. 

Cristóvão Norte, presidente do PSD/Algarve, deu as boas-vindas ao candidato, e Cristiano Cabrita, diretor distrital de campanha, deu início às intervenções num apelo motivador da estrutura que coordena e que resulta de uma mescla feliz de gente jovem e gente mais experiente, de mulheres e de homens unidos no propósito de escolher o futuro líder do PSD.

Seguiu-se Teresa Martins, mandatária para a Juventude, que sublinhou acreditar “que Luís Montenegro é o futuro do PSD, capaz de unir os militantes com os olhos postos nos problemas dos jovens. Devolver ao PSD a grandeza e a força que sempre foram a sua assinatura, é o seu desígnio”.

Já Filomena Sintra, mandatária para as Mulheres, reconheceu “a forma assaz inteligente como Luis Montenegro se apresenta, a sua capacidade agregadora, de trabalho e liderança, mas sobretudo o papel empoderador que atribui às mulheres na construção de uma sociedade melhor, fazem-nos acreditar ser a melhor solução neste virar de página do nosso partido”.

Mendes Bota

Mendes Bota, mandatário Distrital, e figura de referência do PSD/Algarve muito saudada, afirmou que Luis Montenegro “tem o tom certo no discurso. É combativo sem ser malcriado ou arrogante. Encarna o espírito fundador do PPD/PSD, um partido popular sem ser populista, inter-classista, das pessoas que sobem na vida a pulso pelo seu mérito e pelo seu trabalho, e não pelo favoritismo ou amiguismo a cavalo num cartão partidário”.

A finalizar, Luis Montenegro fez um discurso galvanizador sublinhando ideias concretas sobre economia, finanças, ou políticas públicas de educação e saúde, não esquecendo o enfoque para a situação da região. Questões como o Hospital Central do Algarve e a falta de outras infraestruturas estiveram presentes no debate vivo que manteve com a militância que respondeu à chamada.

Duas promessas concretas no âmbito da atividade futura do partido motivaram fortes aplausos: a recuperação da icónica e carismática Festa do Pontal e uma aposta forte na recuperação do peso autárquico que o PSD já teve no Algarve, designadamente em Loulé e outros municípios que no passado já estiveram sob gestão social democrata, sem esquecer os que nunca conheceram alternância democrática desde o 25 de Abril.

Categorias:Loulé