Algarve

Associação Pró Barrocal Algarvio congratula-se com a sentença que condenou a Iberdrola

A Associação Pró Barrocal Algarvio (PROBAAL) que luta contra a instalação de uma central fotovoltaica de 180 hectares a cargo da empresa Iberdrola S.A. em Reserva Ecológica Nacional (REN), por cima do Aquífero Peral-Moncarapacho (M13), Santa Catarina da Fonte do Bispo, congratula-se com as notícias sobre a sentença que condenou a Iberdrola a desmantelar a maior central fotovoltaica da Europa, que ocupava uma área com 500 hectares em Badajoz. O tribunal pôs em causa a Declaração de Utilidade Pública dada ao projeto pela Dirección General de Política Energética y Minas de Espanha.

Artigo aqui: https://www.eleconomista.es/energia/noticias/11820266/06/22/Una-sentencia-obliga-a-Iberdrola-a-desmantelar-la-planta-fotovoltaica-mas-grande-de-Europa-.html

Neste mesmo dia, 15 de Junho, a PROBAAL entregou ao Município de Tavira um dossier com inúmeras evidências relativas às consequências negativas deste tipo de instalações e a esta escala em território REN e por cima de um Aquífero. Recorde-se que a Iberdrola, S.A. adjudicou em 2020 em leilão do Ministério do Ambiente e Transição Energética, um ponto de conexão à rede elétrica do Algarve para um projeto híbrido, fotovoltaico com armazenamento, com 83 megawatts de capacidade instalada (69 MW em painéis fotovoltaicos e 14 MW em baterias).  

O dossier agora entregue contém mais de 16 documentos entre mapas, gráficos, ilustrações, fotografias, artigos noticiosos e relatórios que alertam o Município para questões perniciosas tão diversas como os danos ambientais irreversíveis, a falta de água, desequilíbrios de índole sócio-económica ou a ausência de compliance verificada.  

A informação é encabeçada por uma Moção dirigida à Assembleia Municipal que apela à transparência total no processo e à tomada de consciência sobre os valores ecológicos e serviços por eles prestados que estão em causa, muitos superiores aos da parca contrapartida financeira proposta pela entidade exploradora. 

Categorias:Algarve, Ambiente