Consumidor

Segurança Online: o que é e qual a sua importância

Numa altura onde a tecnologia evolui sem parar e a sociedade tenta apanhar o ritmo, não são as vantagens desta transformação digital que devem ser aplaudidos. Isto porque, enquanto a tecnologia cresce, cada vez mais é importante educar utilizadores e empresas dos cuidados da internet a todos os níveis.

No âmbito empresarial, é importante garantir proteção de processos, segurança em transações financeiras com parceiros e assegurar que os produtos e serviços não sofram ataques online.

Já do lado dos utilizadores é importante garantir que estes se sentem protegidos em fornecer informações pessoais, dados financeiros ou até mesmo documentos legais.

Assim, é clara a importância da segurança online e como esta é fundamental para uma vida digital sem sobressaltos. Vejamos os seus principais pontos e contexto.

O que é segurança online?

Numa definição mais técnica a segurança online é um processo de garante que são tomadas medidas para proteger todos os produtos, serviços ou propriedades intelectuais de ataques informáticos. No fundo, são métodos para evitar a modificação, funcionamento ou divulgação de dados, ou informação confidencial.

Por outro lado, significa também criar um ambiente digital seguro para navegação e desenvolvimento de operacionais negociais, empresariais ou de consumo.

A importância da segurança online no panorama atual da sociedade

Com efeito, o facto da vida atual de um utilizador individual, empresa ou grandes grupos de negócio assentarem as suas estruturas em processos digitais, é importante, como referido, que exista segurança para garantir fiabilidade.

Se pensarmos que muitas destas estruturas são serviços na nuvem, em smartphones ou dispositivos inteligentes, qualquer falha representa um perigo para o seu utilizador.

Assim e segundo a definição, temos de pensar que os dias são em redes sociais, plataformas de projetos profissionais, e-mails ou aplicações, é importante assegurar que tudo fica intacto durante qualquer uso ou navegação.

Por exemplo, projetos como o EUSOUDIGITAL é importante para capacitar o cidadão comum e os pequenos negócios a utilizar a internet de forma segura.

A seguir, alguns pontos a favor da segurança online:

Segurança significa melhor desempenho de processos

Uma boa proteção não só mantém a sua rede segura, como também a ajuda a funcionar melhor. A eficiência é essencial para um bom fornecedor de serviços. Os consumidores e parceiros de negócios gostam de processos que garantam fiabilidade quando usam o produto ou serviço e sentem ser maximizado e seguro.

O mundo “é” digital

Tal como referido, diariamente estamos em contacto com a tecnologia. Logo, é fundamental que o ecossistema digital garanta processos transparentes para a partilha de dados e informações relevantes. E quanto mais evoluir a tecnologia, mais a segurança online vai acompanhar e manter-se a par com novas soluções de proteção.

Proteção de dados

Os dados são algo que deve ser altamente valorizado e cuidadosamente guardado tanto por indivíduos como por empresas.

Para quem gere um negócio, as informações que recolher dos consumidores podem incluir materiais de marketing, dados financeiros, logo é importante manter a sua proteção para o sucesso da empresa.

A título individual, é provável que tenhamos informações pessoais e informações financeiras às quais não deseja que mais ninguém tenha acesso. A segurança online garante que os nossos dados não caem em mãos erradas.

Exemplos de áreas que aplicam protocolos de segurança online

Com efeito, vejamos então alguns exemplos de segurança online aplicada com os mais elevados padrões para uma experiência de utilizador.

Setor bancária

Estes aspetos são especialmente importantes para setores que dependem então de transações online e lidam com dados sensíveis dos utilizadores. Um dos exemplos mais predominantes são as entidades financeiras e bancárias, onde existe um reforço das aplicações homebanking para estas oferecerem máxima segurança e evitem a fraude online com malwares ou por phishing.

Entretenimento e casinos

Outro exemplo é então o dos casinos online, onde a transição para o mundo digital exigiu a implementação de medidas específicas baseadas em protocolos e proteção de dados para evitar a fuga de informação. Além disso, no que toca às contas os utilizadores, em plataformas especializadas estas são segregadas por entidades bancárias europeias, para garantir transparência e segurança aos utilizadores, mas principalmente, de fundos.

E-commerce

Por último, outro dos setores que é essencial segurança na internet é o das compras. Neste segmento é importante garantir que as transações sejam o mais seguro possível. Nesse sentido têm de existir alguns pontos que garantam segurança ao utilizador. Certificados SSL, protocolos 3D ou gateaways de pagamento são fundamentais.

Em suma, a segurança é fundamental do ponto de vista empresarial e, acima de tudo, do ponto lado pessoal.

Face à transformação digital constante e hábitos online é importante sentir que não existem fugas de informação e possamos usufruir de produtos e serviços no digital.

Categorias:Consumidor, Empresas