Algarve

Na Escola de Hotelaria e Turismo do Algarve o Natal São 365 dias solidários

  • As ações de solidariedade, responsabilidade social e ajuda ao próximo são uma realidade ao longo do ano letivo e envolvem toda a comunidade escolar. 
  • Mais de uma dezena de instituições recebem o apoio da EHTA, cuja missão é formar bons profissionais mas também boas pessoas. 

Mais de 2 centenas de refeições prontas a serem consumidas saem todos os meses da Escola de Hotelaria e Turismo do Algarve e acabam na casa de perto de 500 pessoas, através do apoio alimentar garantido pela Refood Faro.   

Ao longo do ano letivo, são inúmeras as Instituições de Solidariedade Social que contam com o apoio da EHTA, apoio esse prestado de diferentes formas: cedência de espaços, entrega de bens e alimentos, campanhas de angariação e promoção de momentos de interação entre gerações.  

A solidariedade e a responsabilidade social fazem parte dos valores formativos da Escola de Hotelaria e Turismo do Algarve. 2022 foi um ano em que o verbo ‘dar’ fez ainda mais sentido.  

O período pós-pandemia, o número crescente de refugiados e a subida da inflação fizeram disparar os pedidos de ajuda que chegam à Refood.  

Paula Matias, coordenadora do Núcleo de Faro, realça o papel da EHTA: «A Escola de Hotelaria e Turismo do Algarve é fundamental na ajuda que levamos a mais de meia centena de pessoas, num total de mais de 200 familias. Especialmente porque são alimentos que nos chegam já confecionados. Quando a escola está fechada pra férias sentimos imenso a falta deste apoio». 

Se há tradições profundamente enraizadas na comunidade da escola de hotelaria são as que acontecem na época natalícia e que envolvem atividades de solidariedade para com a população do concelho.  

O ‘Chá Solidário’ acontece todos os anos e consiste na visita de alunos de diferentes cursos a utentes de um Lar de 3ª Idade. 

Neste natal, os utentes do Centro Cultural e Social da Paróquia de Santa Bárbara de Nexe receberam a visita de alunos do curso de Gestão de Turismo 1º semestre e de Técnico(a) de Restaurante/Bar 1º ano. A visita incluiu um lanche, confecionado pelos alunos, e muito convívio e partilha de experiências entre os jovens e esta população mais idosa. 

Para a diretora da EHTA, Paula Vicente, «a sensibilização dos mais jovens para o mundo que os rodeia é muito importante e a EHTA procura dar esse exemplo. Durante todo o ano ajudamos o próximo, dentro das nossas possibilidades, sendo que na época natalícia esta ajuda é ainda mais expressiva. Estamos a formar jovens para serem futuros profissionais, mas também queremos formar boas pessoas, com sentido de solidariedade, humildade e empatia». 

Este natal o Instituto D. Francisco Gomes (Casa dos Rapazes) é a entidade escolhida para receber o resultado da união de esforços de toda a comunidade da EHTA. Decorre ainda a angariação de bens alimentares, produtos de higiene, agasalhos e material de desporto, que serão entregues em janeiro próximo.  

O abraço solidário da Escola de Hotelaria e Turismo do Algarve abrange a população do território onde está inserida mas alcança também a sua própria comunidade. 

Este natal foram sorteados, entre os alunos com dificuldades financeiras, vários Cabazes de Natal elaborados com produtos da escola e com bens alimentares e de higiene oferecidos pelos colaboradores e funcionários. 

Categorias:Algarve