Lagos

População indignada uniu-se contra proposta do executivo, MPT pede sensatez e consequências políticas

basta

Pelas 21:00h de ontem, reuniram-se algumas centenas de populares no novo edifício da Câmara Municipal de Lagos para participar na “Sessão de Esclarecimento” anunciada à dias pela autarquia sobre a polémica proposta de alteração ao regulamento dos períodos de funcionamento dos estabelecimentos do concelho.

O Presidente da autarquia, surpreso com a adesão massiva e bastante pressionado pelos presentes acabou mesmo, embora contrariado, por cancelar a sessão reconvocando nova sessão para as 21:00h desta noite, no auditório do Centro Cultural, espaço capaz de acolher as centenas de pessoas que se despuseram a aparecer, não obstante a hora tardia.

No auditório, nos corredores e no exterior repleto de gente, os comentários dos presentes eram completamente unânimes e unidos na indignação face à proposta do executivo socialista em pretender limitar radicalmente os horários dos estabelecimentos do concelho, beneficiando os 3 novos bares da sua empresa municipal.

A secção de Lagos do Partido da Terra, que fora o único partido político local a assumir a oposição frontal a esta alteração, a que se junta já também a concelhia do CDS/PP, já veio publicamente felicitar a participação popular e
o seu civismo, afirmando que a dimensão do evento de ontem e dos milhares de peticionários deve mesmo ter consequências políticas.

Embora o Presidente da autarquia tenha feito questão de apadrinhar e promover esta alteração como benéfica para Lagos, o MPT/Lagos apela para que este seja sensato e reconsidere, que ouça a população que o elegeu, com tempo e em condições dignas e democráticas, e que não submeta sequer esta proposta absurda à Assembleia Municipal.

NOTA: Eesta noite haverá nova sessão no auditório do Centro Cultural, onde serão esperadas novamente centenas de
lacobrigenses.

– Toda a informação em http://mpt-lagos.blogspot.pt/ e em https://www.facebook.com/groups/312919775492049/ (5 mil fans). Petições atingem as 4 mil assinaturas.

A secção do Partido da Terra – MPT de Lagos

Categories: Lagos

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.