Faro

Arrancou a empreitada de abastecimento de águas e saneamento a zonas periféricas

faro

Realizou-se no passado dia 8 de março (sexta-feira) na Junta de Freguesia da Conceição de Faro, o ato simbólico que marca o arranque da empreitada de abastecimento de águas e saneamento em zonas periféricas do concelho. Trata-se de uma obra da Fagar, Gestão de Águas e Resíduo, EM e foi consignada à empresa MAJA Construções, S.A. pelo valor de 2.509.023,76 euros.

Esta empreitada que arrancou no terreno na sexta-feira tem a duração prevista de 8 meses (240 dias) e após conclusão garante uma cobertura de 99% de água no concelho e de 94% de saneamento.

Para o Presidente da Câmara, José Macário Correia, embora o significado simbólico da cerimónia “são sempre ocasiões que se revestem do maior significado quando se leva por diante obras do interesse público.” O autarca sublinhou que “o concelho de Faro fica, em termos de água, com tudo praticamente resolvido e em termos de saneamento também ficamos com percentagens aceitáveis e dentro dos padrões europeus”.

Estão contempladas localidades em todas as freguesias do concelho, no entanto haverá uma maior concentração dos trabalhos nas seguintes zonas: Goldra de Baixo, Cerro Manuel Viegas, Azinhal, Amendoeira, Ferradeira, Galvana, Canada, Jardina, Besouro, Meloal, Monte Xerife e Caminho dos Vasos.

Obra em números:

47,7 km’s de condutas de abastecimento de água;

533 ramais de abastecimento de água;

1 estação elevatória de abastecimento de água;

1,5 km de conduta elevatória de abastecimento de água;

14,7 km’s de coletores de saneamento;

258 ramis de saneamento.

Este projeto é cofinanciado em 85% pelo Fundo de Coesão através do POVT – Programa Operacional Valorização do Território.

CM-Faro

Categories: Faro

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.